MÊS DE TAMUZ

Image

TAMUZ é  o  ÚNICO MÊS/SIGNO QUE É REGIDO PELA ENERGIA DA LUA, que na Cabalah simboliza o princípio feminino regido pela constelação de Câncer. Este mês está associado com o primeiro filho de Israel — Ruben.

Podemos dividir este nome e obteremos a expressão “vejam um filho”, indicando o atributo da visão. Tamuz é um bom momento para avaliação de projetos e análise crítica de nós mesmos.

As letras hebraicas que nos conectam com a energia espiritual do mês são o TAV, que criou a Luz , e Chet, que criou o Signo de Câncer.

O Tav é a ultima letra do alfabeto hebraico e geralmente indica finalizações, mudanças e fechamento de ciclos no sentido de conclusões.

O Chet é uma letra muito interessante porque é formada pela combinação da letra hebraica Zayin de Gêmeos com o Vav de Touro.

Tomadas juntas as letras nos dizem QUE PODEMOS SUPERAR TODAS AS INFLUÊNCIAS NEGATIVAS DESTE MÊS COMBINANDO OS ASPECTOS POSITIVOS DOS DOIS MESES ANTERIORES.

O Zohar (O Livro do Esplendor) nos ensina que os três meses mais negativos do ano são Tamuz (Câncer), Av (Leão) e Tevet (Capricórnio).

Na astrologia cabalística, o termo “negativo” se refere a JULGAMENTO .

O dia 17 de Tamuz é um dia de jejum em lembrança à cinco tragédias que assolaram o povo judeu em diversas épocas de sua história. O primeiro destes foi o fato de Moshê ter quebrado as Tábuas da Lei.

Nas preces de Selichot, rezadas neste dia, há menção sobre a quebra das Tábuas, sem referência ao motivo (o bezerro de ouro). Isto porque a milagrosa escrita Divina gravada nas Tábuas nunca mais foi recuperada.

Foi perdida para sempre esta forte revelação Divina cujas letras estavam gravadas de fora a fora, de forma legível sob qualquer ângulo e cuja mensagem podia ser claramente transmitida, sem qualquer possibilidade de distorção.

O número 21 (soma dos dias das Três Semanas) forma a palavra hebraica Ach, que significa apenas; 17 (de Tamuz) tem o valor numérico da palavra hebraica Tov, bem. Ambas iniciam um versículo que diz: “Ach tov Leyisrael”, “Apenas o bem para Israel”. Isto mostra que, de modo mais profundo, os acontecimentos desagradáveis das Três Semanas, na realidade, levarão somente a coisas boas.

Número três, no judaísmo, representa perfeição e eternidade. E assim está escrito: “A corda tríplice não se desmanchará facilmente”. De fato este número é recorrente: há três Patriarcas, três Festas de Peregrinação, a Lei Escrita é composta de três partes (Torá, Neviim e Ketuvim), entregue no terceiro mês após a saída do Egito, ao povo judeu formado por três grupos (Cohen, Levi e Yisrael), etc.

Se o número três é tão significativo, por que então tantas tragédias recaíram sobre o povo judeu durante as Três Semanas? A resposta é que todo este sofrimento são etapas que levam à Era Messiânica.

Durante esses meses, devemos orar e vigiar não pelo medo que é opositor à Luz, mas por consciência de que a misericórdia está sendo trabalhada sobre outro aspecto necessário no Universo neste momento de transição.

Percebemos que a “energia” por tudo isso está mais “pesada”. Alguns de nós tem dificuldades até para levantar-se da cama, outros têm insônia, outros são acordados às 03/04 horas da manhã e nem sabem o porquê!

Devemos ter a consciência que tudo isso é proporcionado pela energia da Lua que trabalha as nossas emoções e sentimentos, é a visão além das aparências. Vamos lembrar que nessas fases geralmente é onde mais crescemos, porque conseguimos descobrir forças além das que acreditamos superficialmente.

 É por isso, que a nossa “visão espiritual” é trabalhada muito mais nesse período.

Sartan (Câncer) é também um código a como proceder nesse período, pois forma a expressão sar réten que significa “expulse a lamentação”. Esta expressão nos alerta sobre a mais perigosa forma de lashon hará (maledicência) existente, onde somos duplamente afetados. Somos emanadores e receptores deste mal.

 Tamuz é um mês que nos conecta com uma forte energia de cura.

Quando falamos de cura, não estamos nos referimos apenas às doenças do nosso corpo físico, mas de um complexo existencial saudável, envolvendo todos os aspectos de nossa vida (financeiro, emocional, espiritual).

É um mês sem a Presença Divina (Shekiná) em Malchut, exigindo de nós um esforço maior para conexão — a restrição da Luz é necessária para que a “Presença da Luz” seja devidamente valorizada.

A Lua tem uma grande influência astrológica sobre o mundo físico e traz uma energia de instabilidade, gerando descontinuidade que não permite a energia de fluir.

Chet e Tav são as duas letras do alfabeto hebraico que nos conectam com as energias deste período. Tav, energia da lua, é a última letra do alfabeto hebraico. Ela representa o resultado da criação e da totalidade das coisas criadas. Tav é o resumo de tudo, a finalização. O final de um ciclo representa o início de outro.

A letra Tav é formada pela reunião das letras Dalet e Nun. Estas duas letras formam as palavras “Din”, o “julgamento, lei”.

Tav é escrito com tav-vav, formando a palavra aramaica tu (outra vez), indicando mais uma vez a necessidade de uma análise crítica de nós mesmos. Tav nos inspira a buscar como fazer o tikun — a retificação através da transformação. Um aspecto negativo desta letra refere-se a finalização de situações prematuramente ou apegar-se a uma situação além do recomendável.

Chet é uma letra de discriminação, marcando a separação entre as coisas de valor e as coisas vazias. Esta oitava letra simboliza: a fronteira e o limite, a união da energia feminina e masculina, a transcendência e a vida. A negatividade da letra Chet pode nos fazer paralisar com o medo ou buscar novidades o tempo todo.

Então com a verdadeira compreensão de que tudo tem uma bi polaridade, passaremos por esses três meses com o sentimento e o pensamento em retidão não é verdade?!

Orando e vigiando!

Orando e vigiando!

Orando e vigiando!

Isabel Helena Medeiros

Belisa do Arcanjo Miguel

S O L S T Í C I O

S O L S T Í C I O 

solsticio lindo

 

Palavra originária do latim, sol e sistere, o solstício significa astronomicamente, a posição fixa do Sol na esfera celeste em dois períodos específicos do ano . Mais detalhadamente são os dois pontos de enlongação máxima da órbita terrestre em torno do Sol, quando esta está no ponto mais próximo do Sol (periélio – por volta de 23 de dezembro) e no mais distante (afélio – perto de 21 de junho).

A cada ano esta data sutilmente se altera devido à pequena irregularidade do tempo da órbita da Terra em torno do Sol. Fatores conjugados dão importância a este momento celeste por que marca o início das estações. Isto se dá devido à inclinação do eixo axial do nosso planeta (23*43’) em relação ao plano de órbita, mais especificamente hoje, 21 de junho de 2013, às 02:04, começa o inverno para nosso hemisfério e o verão para o hemisfério norte. A inclinação do eixo da Terra e sua posição neste ponto orbital, faz com que um dos hemisférios esteja mais exposto aos raios solares enquanto o outro recebe bem menos radiação solar, se estendendo até o equinócio, em setembro.

No dia do solstício, temos o dia mais longo do ano no hemisfério com mais luz solar  e a noite mais curta e o dia mais curto e a noite mais longa no com menos luz. A lustração acima mostra bem nosso momento de hoje, dia 21/06/2013. A inclinação da Terra em relação ao plano de órbita, reafirmando o que foi dito acima, faz com que em junho, o hemisfério norte esteja mais voltado para o sol, recebendo consequentemente mais radiação solar que incide sobre a superfície da Terra com pouca inclinação resultando no solstício de verão no hemisfério norte, determinando o início do verão por lá. Durante o dia do solstício, no exato ponto onde a incidência dos raios solares na superfície da Terra é de 90*, conjugando com a rotação do planeta, temos a origem da linha imaginária denominada “Trópico de Câncer”. A ligação à Câncer se deve à posição em relação ao círculo zodiacal. Nesta época o Sol situa-se na esfera celeste na constelação de Câncer.

O inverso ocorre no hemisfério sul. Conforme a ilustração, vemos que o hemisfério sul da Terra está pouco voltado para o Sol, recebendo suas radiações de forma menos direta e num ângulo de incidência bem maior. No dia do solstício de inverno do hemisfério sul, determinando o início desta estação, no exato ponto em que a incidência dos raios solares é de 90* conjugando com a rotação terrestre, é formada a linha tropical denominada “Trópico de Capricórnio”. Este signo zodiacal dá nome à esta linha devido ao fato de a constelação de Capricórnio ser neste momento, a constelação em oposição perfeita à constelação de Câncer.

stonhi

Historicamente, estes dois momentos do ano eram altamente significativos e consequentemente comemorados em todas as civilizações antigas, com maior expressão no antigo Egito, Índia , China, Celtas e Nórdicos, Africanos, mundo Greco-romano, Maias e Incas, Culturas indígenas xamânicas. Um dos ícones mais intrigante e estudados atualmente na arqueologia, devido à sua antiguidade e intrigante e impressionante precisão astronômica, é o complexo de Stonehenge, refúgio celta e druídica,  na Inglaterra (veja a ilustração abaixo).

 Aproveitando esta data comemorativa considerada pagã, no caso do solstício de inverno no hemisfério norte, a Igreja Católica sobrepõe o Natal de Jesus à estas comemorações, sendo estas abandonadas ao longo do tempo.

O Conhecimento de civilizações milenares como Índia, China e especialmente o Egito, tinham rituais complexos de reconexão com a Natureza e o Cosmos. No Egito, por exemplo, a semana antecedente e a posterior ao dia dos solstícios, ligados à cheia do Nilo, ascensão de Rá e de Sothis (Sírius), era um período largo de festas e oferendas, especialmente em Karnak, Luxor, Denderah e seu ponto máximo em Annu (Heliópolis) e as Pirâmides.

piramide 35

Nesta ilustração, percebemos os diversos “Efeitos Sombra” que a Grande Pirâmide apresenta no amplo planalto nivelado de Gizeh, provocado pela incidência de raios solares em ângulos específicos, nos dias do solstício e também do equinócio. Consequentemente, a distribuição de vibrações e de energia captada e emitida pelas pirâmides, sofre sensível alteração no solstício pois se a radiação solar em seus raios muda, provoca consequentemente a captação dos elementos, e dos tattwas nas faces piramidais. Isto se reflete harmonicamente ao longo do ano, no planeta, em conjunção com as altíssimas e intensas vibrações que resguardam e atuam na linha de 360* em torno da Terra, influenciando os reinos da Natureza. Segundo os egípcios, isso significa a atuação dos Arquétipos primordiais da humanidade ou “Deuses” e suas respectivas derivações a cada grau zodiacal ao longo do ano (anjos). Nos dias de hoje conhece-se mais profundamente este assunto pelo estudo e prática da Kabalah e os 72 Gênios, uma das tantas heranças que recebemos do Conhecimento das Escolas de Mistério do Antigo Egito.

Isto se reflete nos solstícios, na atuação dos Gênios, alteração da natureza do prana e da kundalini, que são diferentes no inverno em relação ao verão,formas pensamento, manifestação dos tattwas (princípio ativo dos elementos) e etc. Pequenos ritos, práticas de respiração e meditação e religação mental e espiritual, além de outros exercícios de energização, faz com que nos reajustemos a estados harmônicos com essas forças da Terra e do Cosmos, numa comunhão com nosso Eu Superior, Os Veneráveis e Divinos Mestres e com Deus. Um reencontro, pois isto está devidamente registrado em nosso DNA. Os antigos sabiam como resgatar isso e nós nos esquecemos.

Podemos esquecer de tudo… Mas não temos o direito de esquecermos de nós mesmos… de quem realmente somos… São períodos cíclicos do ano em que a oportunidade de abandonarmos refúgio próprio em imagens ilusórias e assumirmos o que e quem nascemos para ser, se apresenta!

Nossa Natureza Divina e Cósmica sempre irá prevalecer. Façamos nossa parte para isso.

 FELIZ SOLSTÍCIO!

Paulo Iannuzzi

Samael da Estrela Polar

 

 

Ho’oponopono

 

ho_oponopono2copy

É uma técnica havaiana e significa CAUSA e PERFEIÇÃO.

Através desta técnica temos a capacidade de fazer e trazer o certo para o nosso próprio Ser, e retornar ao estado de Perfeição, colocando novamente nossa página de vida em branco. Para tanto, é só pedir à divindade que aquilo que está dentro de nós, e que causou uma divisão em nossos pensamentos, venha à superfície para ser liberado.

Ao pedir perdão ao Divino por haver hospedado pensamentos que nos separaram de nossa Unidade com o Espírito, os pensamentos perniciosos e recorrentes desaparecem.

Para conseguir isso, às vezes você precisa perguntar várias vezes qual a razão por trás do pensamento, a fim de que apareça na superfície para ser liberado. E quando se libera, o espaço é imediatamente preenchido com um amoroso sentido de Unidade com TUDO.

O Ho’oponopono é um processo de contrição, arrependimento, pedido de desculpas e transmutação e consiste em fazer um pedido à energia do Amor Universal e Incondicional para cancelar e substituir as energias tóxicas que podem ser encontradas em si mesmo. O amor faz o fluxo do processo através da Mente Espiritual ou Super-consciência e continua seu fluxo através da mente consciente, libertando-a da excessiva racionalização, para finalizar na mente emocional ou subconsciente, onde todos os pensamentos se desvanecem com as emoções tóxicas, substituindo-os com amor incondicional.

Não há limite quanto ao número de vezes que esta ferramenta pode ser usada, especialmente no que se refere a transmutar em pura luz seus pensamentos, seus familiares, ascendentes e descendentes, porque esta ferramenta é um pedido para purificar os pensamentos tóxicos que causam divisões reais em sua percepção.

O Ho’oponopono é realmente muito simples. Para os antigos havaianos, todos os problemas começam a tomar forma no pensamento. Ter pensamentos não é o problema. O problema está em todos os nossos pensamentos que estão cheios de memórias dolorosas sobre pessoas, lugares ou coisas. (Muita mágoa e culpa).

O intelecto como tal, não pode solucionar esses problemas porque ele só consegue administrar processos. Administrando as coisas não as consertam inteiramente. Você tem que deixá-los fluir. Quando você faz o Ho’oponopono  o Divino assume o comando dos pensamentos dolorosos e os neutraliza. Fazendo Ho’oponopono você não purifica pessoas, lugares ou coisa alguma. E sim, neutraliza a energia dolorosa que você associa com essas pessoas, lugares ou coisas. Assim, o primeiro passo é a purificação das memórias..

Para continuar, algo maravilhoso acontece. Não só a energia é neutralizada, mas, também, deixa uma nova página vazia para você reescrever outra realidade. A etapa final é permitir que a Divina Presença se mostre e preencha o vazio da página em branco com LUZ DIVINA.

Ho’oponopono é um dos métodos de auto-cura mais efetivos que existe, porque se baseia no amor expressado através de tuas palavras para chegar até seu subconsciente, que é onde residem as memórias que obstaculizam os processos vitais.

 Ho’oponopono foi impulsionado pelo Dr. Len que se baseou na filosofia havaiana para sanar memórias, pessoas, espaços e situações.

 Para praticar Ho’oponopono não é necessário determinados estados de relaxamento. Pode-se pronunciar suas frases chaves em qualquer momento do dia, mesmo que esteja desenvolvendo outra atividade.

Com Ho’oponopono pode  eliminar pela raiz dor emocional ou física, simplesmente reconhecendo-a como uma memória e agradecendo-a por ter saído à superfície, para que possa curá-la.

Igualmente sucede quando temos conflitos com as pessoas ao nosso redor e para iniciar processo de limpeza estabelecendo em nossa consciência o ponto comum entre elas e nós, para que desta forma, possamos pedir-lhes perdão, por esse difícil momento que foi  ocasionado no passado ou em um momento paralelo a este, criando uma mesma consciência universal.

Desta forma, recuperar a paz interior e teu equilíbrio em relação com os demais seres da Terra.

Ho’oponopono  libera da trama mental que significa fazer entender, convencer alguém de que deve mudar.  Libera da ilusão que significa pretender modificar os comportamentos dos demais. É a prática interior e individual que limpa e transmuta as memórias do passado que constantemente penetram a mente, transformando-a em pura luz, de maneira que chegue até  nós a inspiração da Divindade.

O ideal é que se tenha a disposição de praticar várias vezes que sejam necessárias, tendo em conta que quanto mais se fizer, mais rápido encaminharemos memórias negativas do passado, sem ter que reviver lembranças dolorosas.

As frases de Ho’oponopono estão dirigidas à Divindade que há em ti, ao Deus/Deusa que tu és e de igual maneira a toda a humanidade com sua história de sofrimento que é exatamente quem tu és.

Pratique agora as chaves que te permitem desde já libertar a tua história pessoal de maneira tranquila e a sua vez, te permitem sentir mais satisfação e sentido de pertencer com teu lugar neste Planeta.

ORAÇÃO AO CRIADOR

Divino Criador Pai, Mãe, Filho, todos em Um,

Se eu, minha família, meus parentes e antepassados

Ofendemos tua família, parentes e antepassados

Em pensamentos, palavras, fatos ou ações

Desde o inicio de nossa criação até o presente;

Nós pedimos teu perdão

Deixe que isto se limpe, purifique, libere

E corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas

Transmuta essas energias indesejáveis em pura luz. E assim é.

Seres-elementais-espirito-d-520x250

PARA LIMPAR MEU SUBCONSCIENTE

De toda a carga emocional armazenado nele,
Digo uma e outra vez durante meu dia
As palavras chaves do Ho’oponopono

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Me declaro em paz com todas as pessoas da Terra

E com quem tenho dívidas pendentes

Por esse instante em seu tempo

Por tudo o que não me agrada de minha presente vida

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Eu libero todos aqueles de quem acredito

Estar recebendo danos e mal tratos

Porque simplesmente me devolvem

O que eu os fiz antes

Em alguma vida passada

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Ainda que me seja difícil perdoar alguém

Eu sou quem pede perdão a esse alguém agora

Por esse instante em todo tempo

Por tudo o que não me agrada de minha vida presente

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Por este espaço sagrado que habito dia a dia

E com o qual não me sinto confortável com isto

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Pelas difíceis relações das quais guardo somente lembranças ruins

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Por tudo o que não me agrada na minha vida presente

De minha vida passada, de meu trabalho

Ou o que está ao meu redor

Divindade, limpa em mim o que está contribuindo com minha escassez

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Se meu corpo físico experimenta

Ansiedade, preocupação, culpa, medo, tristeza, dor…

Pronuncio e penso: minhas memórias, eu te amo

Estou agradecida pela oportunidade de libertá-los a voces e a mim

Eu sinto muito, me perdoa, obrigado, eu te amo.

Neste momento afirmo que …eu te amo.

Penso em minha saúde emocional

E na de todos os meus seres amados…te amo

Para minhas necessidades e para aprender a esperar sem ansiedade, sem medo

Reconheço as memórias aqui…..sinto muito, te amo.

Minha contribuição para a cura da Terra

Amada Mãe Terra, que és quem Eu sou

Se eu, minha família, meus parentes e antepassados

Te maltratamos com pensamentos, palavras, fatos e ações

Desde o inicio de nossa Criação até o presente

Eu peço teu perdão

Deixa que isto se limpe, purifique, libere e corte todas

as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas.

Transmuta estas energias indesejáveis em pura luz. E assim é.

Para concluir, faço de teu conhecimento

Que este áudio é minha contribuição

À tua saúde emocional

Que é a mesma minha

Então esteja bem.

E na medida que tu vais te curando, eu te digo que

Eu sinto muito pelas memórias de dor que comparto contigo.

Te peço perdão por unir meu caminho a ti para curar

Te dou as graças porque estás aqui por mim

E eu te amo por ser quem és.

31 DE MAIO GÊNIO DA HUMANIDADE

Metatron_II_Fruit_of_life_by_SilentNatasha

De acordo com a Cabalah, existem 72 Gênios e cada um governa 5 dias do ano. Ao multiplicarmos 72 x 5 = 360 dias.

Portanto, sobram 5 dias.

As pessoas nascidas nesses dias são os chamados “Gênios da Humanidade” e são consideradas especiais e privilegiadas, pois são consideradas divindades cármicas  e tem o direito de escolher qualquer um dos 72 Gênios como seu protetor, ou seja, aquele com quem mais se identifica. Não tem um Gênio específico, pois são protegidos por todos os anjos de todas as categorias.

Essas pessoas tem a missão de guardar a humanidade e em outras vidas, fizeram sacrifícios pelo grupo em que viviam, por isso tem um nível superior de consciência ( pelo menos deveriam ter).

Tem uma essência angelical muito forte devido aos atos humanitários que praticaram em outras vidas. Os Gênios da Humanidade são pessoas inteligentes, que tem facilidade em entrar em contato com os 4 elementos da natureza ( fogo, terra, ar e água) e com o mundo dos elementais (salamandras, gnomos, silfos, fadas e ondinas).

Possuem forte senso de moral e de justiça, pois já reencarnaram muitas vezes. Devido a isso, tem algumas “responsabilidades kármicas”, como combater a ignorância, a corrupção e atos que possam prejudicar a si mesmos e aos outros.

Devem semear o bem, a harmonia e os bons sentimentos, sem fazer nunca algo que sua consciência desaprove, combatendo a libertinagem e a impureza de sentimentos.

Se um Gênio da Humanidade praticar o mal, sua missão na Terra não será cumprida e todas as coisas se voltarão contra ele.

Por isso devem encontrar seu caminho e os meios de realizar seu trabalho sem nunca esquecer o propósito a que vieram. Por isso devem sempre vibrar positivamente, ter coragem e não se deixar levar pela opinião dos outros, honrando sua palavra e respeitando o próximo.

Somente sua presença física é suficiente para afastar o gênio contrário de outras pessoas ou ambientes. Possuem o dom de praticar a Alta Magia através de seu corpo astral e mental, além de ter o dom de invocar as forças dos elementais associados ao seu dia de nascimento.

Cada um desses 5 dias foi também associado a uma divindade egípcia, pois quando o povo hebreu, em torno de 1600 a.c, fugindo da fome e da escassez de sua terra, foram para o Egito, onde se tornaram escravos.

Então os conhecimentos que possuíam sobre os anjos foram associados com os deuses egípcios. Portanto, cada uma das datas foi consagrada a um deus egípcio que protege os nascidos nesses dias.

Os dias correspondentes aos Gênios da Humanidade são: 05/01, 19/03, 31/05, 12/08 e 24/10.

05/01 – Elemento: Terra

Esse dia é protegido pelo deus egípcio Anúbis, representado por um homem com cabeça de chacal. Ele pesava o coração dos homens e uma balança com uma pena de ave no momento do julgamento, encaminhando-os para a salvação ou condenação. Dia governado pela força dos gnomos.

Quem nasce nesse dia é calmo e paciente; sabe ouvir os problemas dos outros e dar conselhos de forma imparcial, pois tem grande conhecimento e sensatez. É fiel e muito compreensivo: nunca dá as costas a um amigo nem trai sua confiança.

É justo e muito inteligente, por isso pode ter sucesso e brilhar muito na vida, desde que se dedique com vontade. Tem facilidade em se expressar e expor suas idéias e opiniões. Sua perseverança é digna de admiração. Fiel aos seus princípios, nunca se deixa levar pela vaidade. Detesta todo tipo de injustiça e luta por um mundo melhor.

Gênio contrário: estimula a impaciência, egoísmo, orgulho e falta de modéstia.

19/03 – Elemento Éter

Esse dia é protegido pela deusa egípcia Sekhemet, a deusa guerreira, cuja missão era destruir os inimigos do faraó. É espiritualmente representado pelo céu e por todos os anjos. Governa o começo do ano esotérico.

Quem nasce nesse dia tem personalidade forte e exerce grande influência sobre as pessoas próximas com facilidade, pois tem consciência de sua própria força e de seu magnetismo. É muito responsável e organizado, pondo sempre suas obrigações acima de tudo. É muito cordial e respeitoso com todos.

Vai sempre atrás de seus objetivos, pois é batalhador e dedica-se de corpo e alma aos seus projetos. Despende muita energia em novos negócios e em novos desafios, buscando sempre metas mais ousadas. Trabalha bem em equipe, pois conhece bem suas qualidades e limitações, respeitando os direitos e o espaço dos que o cercam. Está sempre ajudando e nunca esquece dos outros. Tem ótima intuição para os negócios e empreendimentos. É um ótimo sócio.

Gênio contrário: estimula a impulsividade, egoísmo, violência e tendência às aventuras amorosas.

31/05 – Elemento Ar

Esse dia é protegido pelo deus egípcio Thoth, criador da fala e inventor da escrita. É representado por um homem com cabeça de íbis ou babuíno. Dia governado pela força dos silfos.

Quem nasce nesse dia está sempre buscando desafios, gosta de agitação, de movimento e de novas experiências. É muito curioso e gosta de pesquisar assuntos que agucem sua inteligência; por isso está sempre fazendo descobertas surpreendentes. Tem facilidade em se expressar, se comunicar e em expor suas idéias, atingindo assim seus objetivos. Está sempre criando e inventando coisas diferentes, pois seu maior desejo é inovar. É muito prático, por isso tudo o que é novo e traga desafios o atrai. Encara os obstáculos que surgem com coragem e determinação. Tem ótima memória e é hiperativo. Demonstra seus sentimentos com muita segurança.

Gênio contrário: estimula a preguiça, a dupla personalidade, o nervosismo e a inconstância amorosa.

 12/08 – Elemento Fogo

12/08 – Elemento Fogo

Esse dia é protegido pelo deus egípcio Rá, o deus-sol, a maior das divindades do Egito. Representado por uma coroa com um olho na frente na forma de uma serpente (Uraeus). Dia governado pela força das salamandras.

Quem nasce nesse dia tem um brilho especial e adora viver intensamente, aproveitando tudo o que a vida tem de melhor. É extrovertido, tem muita energia e força, e gosta de ser o centro das atenções onde chega. Irradia grande disposição e vitalidade e é uma pessoa intensa, cheia de vivacidade.

É orgulhoso e trabalhador. Não foge dos desafios, ao contrário, tem prazer em vencê-los e superá-los, sempre com muita energia e disposição. Supera os obstáculos com garra. Tem muita força de vontade e disciplina para lutar por seus sonhos. Seja qual for seu ramo de trabalho, irradia uma vitalidade e disposição incríveis para realizá-lo. Nasceu para alcançar o sucesso. Determinado, caminha sempre em direção às suas metas.

Gênio contrário: estimula estagnação, orgulho excessivo, depressão e abuso de poder. Não sabe perder.

24/10 – Elemento Água

Esse dia é protegido pelo deus egípcio Osíris, o senhor dos deuses do Egito. Representa a vida após a morte e é o símbolo da renovação e do renascimento. Dia governado pelas forças das ondinas

Quem nasce nesse dia é muito emotivo e sempre se guia pelos sentimentos, que estão em sintonia com as pessoas ao seu redor. Tem forte intuição e poderes paranormais, e através dessa intuição aprende a trabalhar seus dons paranormais.

É muito persistente e nunca desiste de alcançar suas metas, por mais árdua que seja a luta. Jamais abandona nada pela metade. Não desanima nem se cansa durante uma batalha: resiste a qualquer adversidade e defende o que quer até o fim, em qualquer setor. Suas decisões são muito baseadas nas emoções e em sua intuição, o que o ajuda a realizar grandes feitos pela sociedade. Transmite muita segurança às pessoas ao seu redor.

Gênio contrário: estimula o ciúme e a desconfiança. Tendência a usar a intuição para praticar magia negra.

ABERTURA DO PORTAL EM 25 DE MAIO DE 2013

Image

É chegada a hora de agir mais uma vez!
Está na hora de tomar o destino de nosso mundo de volta em nossas mãos!
Portanto nós iremos nos encontrar em grupos pequenos, como indivíduos e casais, no mesmo período da Lua Cheia de Maio.
Muitos de nós nos juntaremos e visualizaremos a libertação de nosso planeta da tirania da grade de energia negativa para que, pela primeira vez na história, a humanidade tenha a chance de criar seu próprio destino como um cidadão livre e imponderado da Terra para nos rendermos ao processo de Ascensão.
A nossa visualização irá ajudar na libertação planetária, para que ela se manifeste o mais breve possível, usando o mínimo de violência e o máximo de delicadeza possível.
Nós podemos fazer isso!
Isso precisa ser espalhado!
Nós precisamos de o maior número de pessoas possíveis, para que possamos alcançar a massa crítica.
Por favor, poste isso em seus websites e blogs. Ou se você tiver uma alternativa para passar isso através da mídia, você pode mandar isso a eles. Você pode criar um grupo no Facebook para que as pessoas façam isso em sua parte do mundo. Você pode criar um vídeo no Youtube relacionado ao portal.
Horas antes da abertura do Portal, uma penumbra do eclipse lunar ajudará na construção de energias que nos preparará para o Evento. Essa é a hora do Wesak, o período de bênçãos espirituais para a humanidade e o derramar da luz.
O vórtex para isso está centralizado nas montanhas do Himalaia onde muitos iniciados e mestres se juntarão para ancorar luz na Terra neste tempo da lua cheia de Maio.
Ainda que para algumas tradições o festival de Wesak já tenha começado na lua cheia de abril, uma grande quantidade de luz sempre acontece durante a lua cheia de Maio.
Uma linha temporal muito forte ocorre na data de 25 de Maio.
Em 25 de Maio, em 1975 o processo de 50 anos de libertação planetária havia começado.
No dia 25 de maio, de 2010 um portal especial chamado Missão escudo Azul foi ativada e marcou o início da queda dos Arcontes.
E agora no dia 25 de Maio, nós abriremos o Portal.
O propósito do portal é liberar a humanidade da grade das energias negativas que vem escravizando a humanidade desde a falecida Atlantis.
Nós todos estaremos fazendo uma visualização ao mesmo tempo, no momento da abertura do Portal, que virá no dia 25 de Maio às 16 horas e 10 minutos.

Você pode ver a hora exata da ativação do portal para diversos locais.

PRÁTICA

1. Relaxe sua mente e corpo escutando a sua respiração por alguns minutos.

2. Chame pela Presença de sua Alma (Eu superior) e a Presença de seus guias espirituais, Anjos e Mestres Ascensos.

3. Em nome de seu Eu Superior, decrete em voz alta o cancelamento e neutralização de todos os seus acordos, ligações e contratos feitos no passado relacionados com as entidades negativas, independente de seu conteúdo.

4. Em nome de seu Eu Superior, decrete em voz alta que você agora é um Ser Soberano de Luz.

5. Visualize um pilar de Luz Dourada, descendo do Galáctico Sol Central e passando através de seu corpo.

6. Visualize essa mesma Luz Dourada expandindo-se pra o seu coração e para suas mãos e para todas as direções, transmutando toda a escuridão dos planos não físicos em Luz, limpando todos os conteúdos dos hemisférios do implante, o qual é um campo hemisférico de 30 metros de diâmetro ao seu redor. Continue emanando essa Luz Dourada até que o hemisfério de seu implante seja completamente preenchido com Luz.

7. Agora visualize todo o hemisfério do implante preenchido com o modelo da flor da vida que irá instabilizar e aumentar a frequência vibracional do campo de energia ao seu redor.

8. Visualize a mesma Luz Dourada transmutando todos os hemisférios do implante ao redor do mundo.

Algumas pessoas estão esperando resultados espetaculares quando cada um dos portais planetários ou vãos de porta abrirem-se. Vocês precisam entender que a libertação planetária é um processo gradual que irá culminar no Evento final, que será espetacular de fato.

Aviso:

A Abertura do Portal não irá desencadear eventos globais nos locais costeiros como Cliff High estava prevendo, muito menos um “reset” financeiro. Nenhum efeito catastrófico irá acontecer no futuro próximo e o “resetar” do sistema financeiro acontecerá durante o evento. O tempo em que o Evento ocorrerá ainda não pode ser revelado por enquanto, mas a Vitória final da Luz está próxima.

É hora de unirmos forças em comunhão com o Altíssimo.

Vamos trabalhar!!!

Namastê

FOTO KIRLIAN

Image

 Queridos        

 ONDINA BALZANO, vai estar no TAOS na 2ª. feira, 20 de maio, a partir das 19 horas, tirando fotos das pontas dos dedos de todos os interessados.

Os diagnósticos das leituras das nossas fotos serão entregues pela Sra. Ondina, também no TAOS, na 2ª. feira seguinte, 27 de maio.

É uma excelente oportunidade…  e por apenas R$ 20,00.  Não percam !!!

 “Em 1939, a técnica viria a ser conhecida, na União Soviética, sob a denominação de “efeito Kirlian”, em homenagem a Semyon Davidovich Kirlian, re-descobridor da mesma. O método consiste em fotografar um objeto com uma chapa fotográfica, submetida a campos elétricos de alta-voltagem e alta-frequência, porém baixa intensidade de corrente. O resultado é o aparecimento de uma aura, ou melhor, um “halo luminoso” em torno dos objetos, seja ele qual for, independente de ser orgânico ou inorgânico.

 Desde que o assunto surgiu na antiga URSS, muitas pesquisas foram feitas. Em 1999 a técnica foi reconhecida pelo Ministério da Saúde da Federação Russa e em 2000 pela Academia de Ciências da Rússia, sendo recomendado o seu uso nas instituições de saúde daquele país como um instrumento científico auxiliar de diagnóstico, recomendado para uso na Prática Médica. Fotografia Kirlian é um instrumento de incomparável valor em diagnóstico porque introduz o elemento energético como participante do processo de cura.

É o meio que conecta as diferentes áreas para se poder realizar um trabalho holístico de fato.
Orienta sobre as áreas que necessitam de maior atenção:
- pessoal
- profissional
- afetiva/sexual
- familiar

Revela dados da personalidade, detectando problemas que ainda não estão resolvidos em nível mais profundo e que ainda afetam a energia.
Agiliza o processo de autoconhecimento porque é um meio eficiente e objetivo que revela o estado emocional, mental e orgânico da pessoa economizando horas de entrevista.
Objetiva melhor o tratamento.  Ao se tomar consciência de como se produzem as diferentes reações emocionais e o que leva ao desequilíbrio emocional e comportamental pode-se evitar as somatizações dando, portanto, maior controle sobre o processo e num caráter preventivo aos desequilíbrios físicos.

Arasa Maran  e  Belisa do Arcanjo Miguel

CURSOS PROFISSIONALIZANTES

CURSOS PROFISSIONALIZANTES

 

DATA: 21 e 28 de Julho de 2013.

 

HORÁRIO:  09:30 às 18:30 horas

Com intervalo para almoço.

 

CROMOTERAPIA  -MEDICINA QUÂNTICA

Ciências Básicas:

Física – Bioenergética – Medicina
(Anatomia, Fisiologia e Patologias)

 

 

FÍSICA E ASTROFÍSICA:

1. Cor e Luz
2. As cores do Espectro Solar
3. Espectro Eletromagnético
4. Energia e matéria
5. Estados da matéria
6. O átomo e a física
7. Física da luz
8. Astrofísica e sistemas planetários
9. O Macrocosmos e Microcosmos

BIOENERGÉTICA:

1. As Energias
2. Campos Energéticos
3. Aura e a Pesquisa Kirlian
4. Os Corpos: Físico, Bioenergético e Espiritual
5. Vórtices e Nadis
6. Vórtices e Plexos
7. As cores dos vórtices
8. Funções dos vórtices

ANATOMIA, FISIOLOGIA E PATOLOGIAS:

1. Sistema Nervoso
2. Sistema Esquelético
3. Sistema Muscular
4. Sistema Endócrino
5. Sistema Linfático
6. Sistema Sensorial
7. Aparelho Respiratório
8. Aparelho Digestivo
9. Aparelho Urinário
10. Aparelho Genital
11. Aparelho Circulatório

CROMOTERAPIA:

1. As cores Básicas e Complementares
2. As Cores e suas Propriedades:

VERMELHO,

LARANJA,

AMARELO,

VERDE,

AZUL,

ANIL,

 VIOLETA.

3. Psicologia das Cores
4. Cores quentes e frias
5. Associação das Cores e suas funções
6. Ordem das Cores nas aplicações
7. Aparelhos de Cromoterapia
8. Tempo de Aplicação e distância do aparelho
9. Normas gerais de aplicação das cores
10. Aplicações práticas

Prof.ª Ondina Balzano 

Autora Dos Livros:

  • Cromoterapia
  • Medicina Quântica,
  • Cromoterapia Prática,
  • Akhenaton – o Faraó Iluminado,
  • Vidas Passadas e Rainha-Faraó Nefertiti.
  • Inventora do Aparelho Pyracromos para aplicação da Cromoterapia.


Fones:  (21)  2221-2467
 

Sites: http://www.cromoterapia.org.br  e 

http://www.olhodehorus-egito.com.br 

E-mail: ondinabalzano@gmail.com    

Curso Profissionalizante

 Valor real do Curso: R$300,00 com certificado profissionalizante.   

CROMOTERAPIA -  Ciência que utiliza as cores do espectro solar para restaurar o equilíbrio físico-energético em áreas do corpo atingidas por alguma disfunção. Ela é uma medicina-energética assim como a Homeopatia e a Acupuntura.    Cada cor tem a sua ação específica sobre o organismo humano:

  • Vermelho/rosa – equilibra a corrente sangüínea;
  •  Laranja – regenerador de ossos e músculos, eliminador de gorduras;
  • Amarelo – revitalizador de ossos e músculos e desintegrador de cálculos;
  • Verde – anticéptico e dilatador de veias e artérias;
  • Azul – analgésico e regenerador;
  • Anil – anti-hemorrágico;
  • Violeta – bactericida e anti-infeccioso (equivale à ação de
  • antibiótico).

    Diversos foram os pesquisadores médicos do uso das cores para tratamento de saúde:Dr. John Ott, Diretor do Instituto Sarasota, Flórida, EUA, que pesquisou o efeito das cores sobre o câncer; Dr. Ghadiali, indiano residente nos EUA, que estruturou a Cromoterapia em bases científicas e escreveu uma Enciclopédia em 3 volumes. CASOS DE CURA: 

  • ARTROSE – Senhora com 54 anos, sofrendo de artrose nos joelhos com muitas dores e dificuldade de locomoção. Fez tratamento médico e aplicações de fisioterapia, sem resultados. Seu médico disse-lhe que logo teria que usar cadeira de rodas. Ela resolveu experimentar a Cromoterapia, e em apenas 12 aplicações das luzes coloridas as dores sumiram e a mobilidade voltou ao normal (caso ocorrido com Ondina B. Guimarães).

 

  • ENXAQUECA – Senhora com 57 anos, que tinha Enxaqueca e Hipertensão há 20 anos. Tomava 8 comprimidos de Tonopan diariamente, além de 2 injeções e medicação para regularizar a pressão. Após 7 aplicações a Enxaqueca desapareceu e com 24 aplicações a sua pressão normalizou, tendo o seu médico suspendido todos os remédios.

 

  • BRONQUITE – Menina com 11 anos que desde os 2 anos de idade sofria de bronquite, usando medicação a base de cortisona em momentos de crise. Com apenas uma aplicação saiu do estado de crise e após 20 aplicações, ficou curada.

 

  • ALERGIA  – Menina com 3 anos de idade que apresentava erupções na pele com muito prurido, formando feridas. Fez diversos tratamentos médicos, sem resultados. A partir da terceira aplicação suas feridas começaram a cicatrizar e com 12 aplicações a pele voltou ao normal.               

     A CURA  DA  ENXAQUECA  PELA  CROMOTERAPIA 

Enxaqueca é um tipo de cefaléia que consiste em sensações dolorosas por toda a cabeça ou parte dela, apresentando um conjunto de sintomas, como enjôo, dor nos olhos, cansaço, irritabilidade, que podem acometer os indivíduos alternada ou simultaneamente, e cujas crises se repetem periodicamente.A Enxaqueca pode ter várias causas, tais como fatores psicossociais, distúrbios psíquicos, hormonais e metabólicos, consumo de bebidas alcoólicas e drogas, problemas músculo-esqueléticos, circulatórios, neurológicos, entre outros.Muitas mulheres sofrem de enxaqueca no período pré-menstrual ou a TPM.           

Afecções do nariz ou das cavidades nasais, como a rinite, ou uma inflamação prolongada dos seios da face, como a sinusite, podem ser responsáveis pelo desenvolvimento das crises da Enxaqueca.             A Cromoterapia proporciona um grande alívio para as pessoas que sofrem com a Enxaqueca, pois é possível desbloquear as regiões cerebrais com as cores verde, azul e amarelo, liberando o vórtice Coronário, por onde deve fluir a energia cósmica.             

Geralmente, antes de aparecer a dor, há uma fase inicial em que os vasos sangüíneos cerebrais se estreitam, produzindo uma irrigação insuficiente do sangue no cérebro. O organismo reage, provocando a dilatação dos vasos para normalizar o fornecimento de oxigênio do cérebro; e com isso desencadeia uma dor latejante.          

Segundo estatística da OMS (Organização Mundial de Saúde), 30% da população mundial adulta e 10% da infantil sofrem de Enxaqueca.              

Eu pesquisei a origem da Enxaqueca e encontrei como causa básica o fator energético de entrada de energia pelo vórtice Occipital, podendo estar aliada a uma causa fisiológica ou psicológica, mas que podem ser tratadas pela Cromoterapia.             

A Ciência das Cores tem condições de atenuar e até mesmo eliminar a Enxaqueca, recuperando o paciente, porque vai interferir na quantidade e qualidade das reações químicas, que são a fonte de energia do organismo como um todo, produzindo o seu equilíbrio físico e energético e fazendo com que a entrada de energia cósmica retorne ao vórtice Coronário.             

O ser humano possui cinco vórtices na cabeça: Coronário, Frontal, Occipital e os dois Temporais, direito e esquerdo, porém só o coronário deve receber essa energia.             

O diagnóstico da Enxaqueca não poder ser feito somente através de exames convencionais que pesquisam apenas o físico, pois afirmamos que sua origem é energética, conforme comprovam as centenas de pacientes curados dessa doença com a aplicação das luzes coloridas.              

Usamos em Cromoterapia um aparelho denominado “aurímetro” ou “aurameter” para fazer a medição energética do paciente, verificando por qual vórtice está penetrando a energia cósmica.                 

A título de ilustração, citamos o caso de uma senhora, de 57 anos de idade, que sofria de Enxaqueca e Hipertensão há vinte anos. Segundo informação da paciente, ela tomava oito comprimidos de Tonopan, diariamente, mais duas injeções para aliviar a dor e ter condições de trabalhar, pois lecionava em uma escola. Após sete aplicações de cores, desapareceu a Enxaqueca e, com vinte e quatro aplicações cromáticas, a pressão arterial estabilizou, tendo o seu próprio médico suspendido as medicações indicadas por considerá-la completamente curada.                                                                                                               

Prof. Ondina Balzano

www.cromoterapia.org.br

 

URIM e THUMIM

Divina_Criação

Vivenciamos atualmente uma Transição de Eras única em nosso planeta. Observamos as descobertas, redescobertas, encontros e reencontros, mudanças aceleradas de tempo, padrões e paradigmas que em verdade nos preparam e adequam consciencial e vibracionalmente para o que está por vir, nesta nova fase de Luz na Terra!
Ao sermos preparados para abertura em relação a este “novo”, muito do que é antigo (longe de ser “velho” – entenda-se bem – ) está renascendo como ferramentas imprescindíveis nesta nova empreitada humana no retorno ao nosso arquétipo original de puro Adam-Kadmon.
Muitos dos conhecimentos de um passado remoto, glorioso e desconhecido pela humanidade atual estão vindo à tona de forma avassaladora, especialmente no Egito e na China, muitos ainda ocultos do público em geral. Nesses países, onde quase a totalidade de seus territórios se apresenta como sítios arqueológicos, são no mundo onde mais se encontram artefatos, objetos e especialmente informações e conhecimentos antigos que revolucionam a história e o conceito a respeito dessas civilizações e que serão úteis e reveladores no processo do reencontro do homem consigo mesmo e, conseqüentemente, com D’us.
Como já bem foi dito, recobraremos a condição há muito perdida, do científico tendendo para o espiritual e o espiritual tendendo para o científico. Desses conhecimentos e práticas de outrora, salvaguardados em parte por organismos secretos e especialmente pelos avatares que aqui encarnaram mostrando o caminho do Amor, da esperança, da fé e da caridade (ação de Cáritas), um dos mais importantes e ainda pouco conhecidos estão relacionados com os cristais denominados URIM E THUMIM.
Embora os Sumo-Sacerdotes do judaísmo ignorem e passem ao largo deste assunto, os cabalistas, especialmente os Rabinos estudiosos do ZOHAR e ocultistas bem o sabem. Trazidos à Luz recentemente pelos textos alusivos ao conhecimento, iniciação e ativação do Veículo de Luz – MERKABAH (ou Merkavah) –  e pelos estudos e práticas da Kabalah, estes cristais são de uma importância ímpar no processo de eclosão do ser humano, principalmente na aceleração do padrão vibracional da Terra em suas múltiplas dimensões e em sua contraparte física, pela ressonância Schumann.
Verificamos mais especificamente no livro “As Chaves de Enoch – O Livro do Conhecimento”, referências precisas e mais detalhadas com respeito ao assunto. Os ocultistas e cabalistas, principalmente no grande movimento ocultista do final do séc. XIX e início do séc. XX na Europa, estudaram e relacionaram o conhecimento relativo a esses cristais em seus trabalhos iniciáticos especialmente na Sociedade Teosófica de Helena P. Blavatsky (ver A Doutrina Secreta e Ísis Sem Véu) e na Golden Down, por Alister Crowley.
Especialmente por Blavatsky, torna-se claro o intenso e fundamental trabalho na ativação de tais cristais nas antigas civilizações egípcia, hindu e veda. 
Os cristais URIM e THUMIM, são atualmente etéreos em nosso corpo e estão localizados logo acima da gandula timo, na região entre os chackras cardíaco e laríngeo. Sua aceleração vibratória e conseqüente ativação estão relacionadas diretamente à eclosão do ser humano, sua expansão de consciência, ligação mais constante com seu Eu Superior e, o mais importante, a reconexão com o Eu Crístico pelo Antakarana.
URIM E THUMIM são termos hebraicos que significam “perfeições” ou “As Duas Verdades”.THUMIM é plural hebraico de THEME (Verdade). Eram em tempos remotos cristais físicos formando um ornamento peitoral de ouro e pedras preciosas específicas, nos antigos sumo-sacerdotes hebreus. Eram elementos que combinados apresentavam muitas qualidades, especialmente oraculares, astrológicas e teúrgicas. Nos cristais eram gravados os doze filhos de Yakhov (Jacó) que representavam em realidade os doze signos do círculo zodiacal. Em estado de êxtase, os sacerdotes ativavam os URIM e THUMMIM, fazendo previsões e acelerando seus estados vibracionais atingindo profundos níveis em estado alterado de consciência. Em verdade, assim como muitos rituias, conceitos, procedimentos, conhecimentos, filosofias e práticas judaicas foram absorvidos (ou tomados) do Egito antigo, os URIM e THUMIM também vieram do Egito. Os Hierofantes egípcios e alguns sumo-sacerdotes entronizados Faraós usavam da mesma forma tais cristais em ornamentos peitorais, utilizando-se de mantras e sons para sua ativação e assim estarem conectados com o Senhor Ptah ( Melkhitzedek), Osíris, Ísis e Rá, manifestando assim a vontade do Altíssimo e do Coro dos Neter-Neteru (“Gênios Djins” – Hierarquias Angélicas).
Mas todo esse conhecimento e prática são bem mais antigos. O ponto máximo se deu na Atlântida, especialmente no último período de Poseidonis, a última ilha do continente atlante. Lá sua prática relacionava-se diretamente com outros cristais mestres, diretamente ligados com Hierarquias Siderais e a Grande Fraternidade Branca Universal! Em verdade, tudo leva a crer que sejam cristais de natureza puramente Cósmica, introduzidos na Terra e na fisiologia humana no período de colonização extraterrestre na Terra, supervisionada pelos 24 Anciãos da Galáxia, Mestres e Kumaras da Grande Fraternidade Branca, em virtude do conseqüente aprimoramento genético do corpo biológico humano no nosso planeta, afastado do arquétipo original Adam Kadmmon pela queda em face da Rebelião.
É de fundamental importância esclarecer que, muito mais importante que saber o que está relacionado com tais cristais e conhecimentos, é o exercício do Amor em todos os sentidos… Da Fé consciente… da convicção na Luz… do esforço diário em compartilhar… da proximidade e interação com o semelhante… compaixão… e procurar ser alguém cada vez melhor afastado dos apegos… Viver o Ser e não o ter. Sem isso, as técnicas e o conhecimento não aplicado com Amor, de pouco ou nada valem. Muito do sofrimento vem da sensação da perda, por pensar que se tem algo. Não se pode perder o que em verdade nunca se teve! Isto tudo e o esforço sincero na religação com o Divino aceleram os URIM e THUMIM. Quando aliado a isto vem o conhecimento, a consciência e o trabalho com Mantras (Há-Shem – Palavras Sagradas – ), o resultado é impressionante e MARAVILHOSO!
Em nosso momento único atual, os Veneráveis e Divinos Mestres da Grande Fraternidade Branca  Universal e toda a Hierarquia dos Anjos, disponibilizam uma vez  mais este conhecimento e oportunidade de Consciência plena e Ascensão para a Transição da humanidade deste planeta para seu destino original: Amor, Felicidade e Luz!
NAMASTE!
Samael da Estrela Polar
(Paulo Iannuzzi)

Conselho Cármico – 31/03/2013

Carta ao Conselho Cármico

 

Nos dias  31/12 31/03, 30/09 e 30/06, o Conselho se reúne para avaliar o carma do planeta inteiro. Faz um retrospecto do trimestre que se encerra e toma decisões para o próximo trimestre.
 
O Conselho Cármico, formado por seres de luz que amparam a humanidade nestes momentos de transformações, reúne-se 4 (quatro) vezes ao ano junto à presença Eu Sou de todas as pessoas encarnadas na Terra e juntas escolhem seus destinos para os próximos 3meses. Quando uma pessoa morre, ela pode fazer essa transição de duas maneiras: ou consciente (sentindo-se “despregar” do corpo físico e entrando num túnel, seguindo uma luz ou até, mesmo encontrando um guia) ou então inconsciente, quer dizer, dormindo.

Se a pessoa chega do “outro lado” acordada, logo ela se defronta com um Mensageiro da Luz, que lhe entrega uma convocação para comparecer ao tribunal do Carma no dia tal, às tantas horas. Até esse dia, ela será encaminhada a uma “colônia de férias” astral, digamos assim. Por outro lado, se estiver dormindo, vai continuar descansando por um prazo que varia de pessoa para pessoa, mas que não pode ultrapassar seis meses; ao acordar, também receberá a intimação para comparecer ao Tribunal.

O Conselho Cármico é um Tribunal de Justiça;
Todos os Mestres são Ascenscionados, o que significa que são seres de absoluta Misericórdia, Amor e Justiça. Diante desses Seres Perfeitos, a pessoa é levada a avaliar toda a sua última vida, desde o nascimento até a morte.

Tomará consciência de seus erros e acertos, das lições que assimilou e das que ainda tem que aprender; quais são suas principais virtudes e também as dificuldades ou defeitos que terá que superar.

Ouvirá do Conselho Infalível a Sentença; qual é realmente a sua faixa vibratória e, daí, em que país, cidade e grupo do Astral deverá permanecer até a próxima encarnação; que escola deverá freqüentar, que tipo de treinamento deverá ter; que trabalhos terá que executar; quanto tempo ficará desencarnado; quem serão seus pais e familiares na próxima encarnação; quais serão suas futuras características raciais e nacionalidade.

Uma alma mais evoluída ouvirá essa sentença compreendendo que o carma não é uma lei de retaliação, mas, sim, de educação, e que o Conselho Cármico é o órgão legítima e divinamente capacitado para julgar e dar novas oportunidades de evolução.

Assim como o Conselho Cármico julga e administra o carma individual, ele também o faz com relação ao carma familiar, grupal, nacional e planetário. Ministra sanções e anistias. Se for preciso pelos desígnios cármicos, o Conselho autoriza cataclismos e desastres coletivos. Pode abreviar ou prolongar a vida dos encarnados.

Aproveite este dia para estabelecer seu compromisso interno com sua verdade e força vital projetando assim no mundo externo o potencial da sua alma. Felicidade, Harmonia, Saúde, Abundância, Realizações.

Nos dias 31/12 31/03, 30/06 e 30/09, o Conselho se reúne para avaliar o carma do planeta inteiro. Faz um retrospecto do trimestre que se encerra e toma decisões para o próximo trimestre.

Nesses dias especiais, os discípulos da Luz podem apresentar a esses Divinos Juízes sua petição ou projetos que, se forem considerados dignos e úteis à Vida, serão autorizados – e aí os autores receberão uma ajuda direta (seja ela qual for) do Conselho para realizá-los.

Quando conquistarmos a vitória da manifestação de nosso plano divino e consumirmos o nosso carma negativo, iremos então ter com a Presença do Eu Sou, o Amado Santo Cristo Pessoal (o nosso Eu Superior) e o Conselho do carma, que decretarão o direito de libertarmo-nos da roda viva das   reencarnações.

FAZEM PARTE DO CONSELHO CÁRMICO:

 
  • PÓRTIA: Justiça e Oportunidade – é o Complemento do Mestre Saint Germain
  • Mestra Nada: Amor Devocional e Gratidão
  • Kwan Yin: Misericórdia e Compaixão
  • Libra: Equilíbrio
  • Palas Athena: Verdade
  • Elohim Vista: Ciência, Concentração e Cura
  • Saithru: Ser responsável pela sétima raça raiz da humanidade terrestre
  • Arcanjo Miguel: Fé, Proteção, Vontade Divina
  • Irmãos Interdimensionais e Interplanetários: Energia eletromagnética que facilita a manifestação de nossos sonhos.
 
É NECESSÁRIO PARA A REALIZAÇÃO DO SEU RITUAL:
1 vela branca
1 copo d’água
1 folha de papel branco
1 incenso de sândalo
1 lápis

Em um papel branco, escreva a lápis a data, seu nome de solteiro (nome de batismo), e data de nascimento.

“Em Nome de Minha Bem Amada e Poderosa Presença Eu Sou o Que Sou!”

Em Nome do Meu Bem Amado Santo Ser Crístico Presente em meu Coração peço pela Paz e Cura Universal!”

Logo em seguida agradeça, agradeça e agradeça por tudo de bom e tudo de negativo que ocorreu durante os últimos 3 meses.

Em seguida faça todos os seus pedidos ao Conselho Cármico.

Dobre o papel e faça a oração “A Grande Invocação”. Ao terminar, guarde a carta em uma bíblia, e deixe até o próximo Conselho Cármico.
Não se esqueça de queimar a carta do último Conselho Cármico na vela que você acabou de acender.
A GRANDE INVOCAÇÃO
 
DO PONTO DE LUZ NA MENTE DE DEUS,
QUE FLUA LUZ À MENTE DOS HOMENS,
E QUE A LUZ DESÇA A TERRA.
O PONTO DE AMOR NO CORAÇÃO DE DEUS, QUE FLUA AMOR AO CORAÇÃO DOS HOMENS QUE O CRISTO RETORNE A TERRA.
DO CENTRO A ONDE À VONTADE DE DEUS É CONHECIDA, QUE O PROPÓSITO GUIE AS PEQUENAS VONTADES DOS HOMENS, PROPÓSITO QUE OS MESTRES CONHECEM E SERVEM.
DO CENTRO A QUE CHAMAMOS À RAÇA DOS HOMENS QUE SE REALIZE O PLANO DE AMOR E LUZ E FECHE A PORTA ONDE SE ENCONTRA O MAL.
QUE A LUZ O AMOR E O PODER RESTABELEÇAM O PLANO DIVINO SOBRE A TERRA
HOJE E POR TODA A ETERNIDADE, QUE ASSIM SEJA  AMÉM.
É bom sempre lembrar que TODOS SOMOS UM SÓ!!!
Muito Sucesso e Saúde a todos.
Namastê.
Belisa do Arcanjo Miguel