RSS

A COSMOLOGIA DO MULTIVERSO

12 fev

 

 

 

A COSMOLOGIA DO MULTIVERSO(1) E A PULSAÇÃO CÓSMICA SAGRADA

Metraton, mensagem canalizada por James Tyberonn

Saudações! Eu sou Metraton, Senhor da Luz, e abraço-os com amor, amor incondicional.
Envolvemos todos e cada um de vocês numa energia nutridora e no campo da autocapacitação, pois cada um de vocês é realmente um Mestre no caminho da Ascensão. Nosso propósito é oferecer-lhes inspiração e clareza, mas na verdade, sempre é necessário que VOCÊS, como SERES sagrados e soberanos, possam discernir esta e qualquer outra mensagem “canalizada”.


Sempre existiram os “do contra” no planeta, aqueles que predizem destruição e tragédia e espalham informações que provocam medo. Eles servem a um propósito na dualidade, mas isto é energia velha. E não é o papel do Espírito. Nunca lhes diremos para desistirem do seu livre-arbítrio. Nossa mensagem é lhes falar sobre a sua Divindade.

Muitas das suas religiões estão cheias de dogmas controladores, advertências e restrições. Elas os programam com conceitos errôneos de “pecado original”, votos de pobreza, e focalizam aquilo que não se deve fazer. Os controles baseados no medo fundamentam-se em castigos para os pecadores, criando grupos de formas-pensamento para aprisioná-los. Isto encoraja o fanatismo e o zelo excessivo; gera falso moralismo e ameaças de retaliação: “faça do nosso modo, ou então…”. Isto é energia velha, isto é medo. Mestres, vocês nunca podem voltar para estados de menos consciência. A vida é expansão!
O Espírito fala de AMOR. O Espírito não ataca. Todas as religiões atuais da sua Terra têm suas verdades e distorções. Discernimento é a chave. É necessário que vocês decidam o que é verdade e o que não é, baseando-se no coração e NÃO NO MEDO. Nenhuma expressão sagrada verdadeira limita sua verdade e sua beleza a um único grupo.

Embora cada um de vocês realmente tenha que prestar contas das suas ações, essa prestação de contas é para o seu EU. Vocês são centelhas soberanas do Divino. E o verdadeiro Espírito nunca vai tentar assustá-los.
À medida que vocês se aproximam da Ascensão, a polaridade flui para o equilíbrio, o arco da dualidade diminui. Mas, apesar disso, os espasmos de medo da velha energia, a falsa moral e os dogmas do fanatismo serão postos à prova, para que todos vejam. Alguns acontecimentos são desviados para fazer com que eles se sintam exonerados. Olhem ao redor do seu planeta e verão a velha energia em sua luta pelo controle. Os “do contra” estão fazendo seu papel, e fazendo-o bem.

Procurem o AMOR, Queridos, procurem a liberdade de expressão dentro dessa LUZ, que é o verdadeiro Amor, que é a verdadeira senda iluminada do Espírito. E na dualidade, conforme a Luz for ficando mais clara, vocês descobrirão que a luz atrai insetos! Mas encontrem a impecabilidade e não se distraiam nem se deixem levar pelo medo. A vida é abundante!

Não procurem impor sua vontade aos outros, e não permitam que outros imponham suas vontades sobre vocês. A chave é encontrar soberania no AMOR, ouvir seu coração, sua voz interior, e ter discernimento. O Amor é a chave frequencial da Causa Primeira. Vocês estão aqui neste planeta para crescer e aprender, e nós os respeitamos nesse CAMINHO.Então, Queridos, começamos uma análise da Pulsação Cósmica e da Cosmologia do Universo, um tema verdadeiramente fascinante; realmente um assunto que tem intrigado a humanidade desde o princípio da Terra.

Antes de realmente começarmos esta mensagem, lhes dizemos que a humanidade enxerga o Universo a partir do túnel do seu ponto de vista único no tempo, e isto reduz a capacidade da humanidade perceber o espectro total da realidade Universal maior.

Dizemos que o maior erro dos seus estudos científicos atuais sobre a Cosmologia da formação Universal é que eles omitem o Divino. O Pensamento Divino é o Criador Primário, é a Causa Primária.

Mas posteriormente a este axioma, existe um processo científico para o desenrolar da gênese; é a Causa Secundária, mas é intricadamente entrelaçado com o sagrado. Quando a aceitação do primeiro princípio sagrado for combinada com a ciência exata, muitas portas se abrirão para vocês. E vocês estão no limiar de tal união integral.

Nós já compartilhamos com vocês que existem muitas Terras, muitas realidades e dimensões internas dentro do Omniverso de múltiplas partes. Aquilo que vocês consideram “o Reino Angélico” conecta-se com vocês no que é chamado de antimatéria. Mas é muito mais do que antimatéria, no sentido de íons de cargas invertidas como os que estão sendo projetados em aceleradores de partículas; é o panorama completo das múltiplas fases inversas da matéria. É uma realidade física virada do avesso, e cada fase possui milhares de componentes e camadas dentro e fora.

Nós lhes dissemos que a sua percepção da realidade, baseada no tempo linear, na verdade acontece numa sequência estroboscópica não linear de “unidades de consciência”, que são ajustadas entre a mudança da matéria para antimatéria, na multidimensionalidade. E que, neste processo, a mudança interna ocorre através dos “buracos negros” macro e micro, e a externa ocorre através dos “buracos brancos” macro e micro. Este dentro-fora/ empurra-puxa ocorre num lampejo cósmico, que é o verdadeiro magno-ritmo da sua realidade na dualidade. A dimensão que vocês chamam de Tempo não é uma via de mão única. Ela não se move apenas para frente e para trás, mas para dentro e para fora também, em programas holográficos das suas realidades dimensionais, no eterno AGORA do tempo simultâneo.

Então, mais uma vez lhes dizemos que a sua percepção do Universo Cósmico é relativa ao ponto particular do tempo no qual vocês o observam. Vejam, existem muitos Universos no Multiverso, e todos foram formados pela Causa Primária. Mas lhes dizemos esta VERDADE: o entendimento da natureza sagrada e científica de um deles destranca a porta que leva aos outros.

Vocês estão a ponto de fazer isto, e nisto há uma vantagem tanto sagrada quanto científica, que é mais importante do que vocês imaginam, para abrir portas frequenciais que levam à sua verdadeira origem e natureza.

Portanto, a informação que estamos prestes a lhes transmitir possui pistas para a ciência que está por trás da Cosmologia e suas aplicações sagradas que levam ao salto quântico da consciência, que é parte e parcela da Ascensão em andamento, tanto do seu planeta quanto da humanidade.

 

COSMOLOGIA DO UNIVERSO ATUAL


Com essas advertências, lhes dizemos que o assim chamado Big Bang nunca aconteceu como os seus físicos newtonianos acreditam. Na verdade, muitos cientistas e pesquisadores estão encontrando desafios que revelam isto.


De modo geral, a teoria da Evolução Universal (Causa Secundária) que predomina atualmente baseia-se no trabalho de Newton e Einstein. O conceito de Newton sobre a “gravitação universal” forneceu as fundações para a revolução de Copérnico, segundo o qual a Terra não era mais o centro do universo, mas girava em torno do Sol. Newton discerniu uma força baseada na gravidade “atrativa” entre todos os objetos físicos, uma força diretamente proporcional à massa dos objetos, e funcionando em todos os lugares do universo. Mas sua teoria evoluiu para a suposição de que a gravidade permeava o espaço, e que esse espaço era eletricamente neutro.

Um grupo de cientistas progressistas agora está estudando Física do Plasma, e as teorias que eles estão reunindo no conceito de uma força elétrica no Cosmo – um “Universo Elétrico” – estão chegando mais perto da veracidade. Mas algumas peças do quebra-cabeça ainda estão faltando. Alguns destes novos teóricos concluíram que os buracos negros e a matéria escura não existem, e que a eletricidade é responsável pela energia que formou os planetas e as estrelas. A primeira é uma tacada fora do alvo; a última é uma tacada importante.

Na verdade, os buracos negros existem, mas são “casados” com os buracos brancos. Nós lhes dizemos que os buracos negros não são os monstros carnívoros, que tudo consomem, como vocês imaginam. Mas não são os buracos negros, nem nenhuma “matéria escura” teorizada que fornece coesão, gravidade e poder ao Cosmo, e sim uma força cósmica elétrica coerente. E ela é geométrica. É Metatrônica. Na verdade ela é uma forma de energia elétrica refinada com atributos cristalinos induzidos, e é codificada com o Divino. É uma função da Grade Cósmica Elétrico-Cristalina.

ELETRICIDADE CRISTALINA INTRADIMENSIONAL


Seus atuais avanços em instrumentos de alta resolução têm permitido que seus cientistas observem imagens e evidência da “filamentação” e das estruturas celulares onipresentes do plasma-cósmico. E isto é um grande salto para um novo, importante e empolgante entendimento. Ele está levando a uma descoberta indispensável: o que vocês chamam de vácuo no espaço não é verdadeiramente vazio nem eletricamente neutro. Ele aponta para a eletricidade cósmica. O plasma neutro não se organiza em células e filamentos. O Cosmo extraterrestre não é eletricamente neutro, e o aparente paradoxo é que ele é carregado dentro de uma estrutura cristalina.

Seus telescópios avançados agora estão fornecendo imagens que revelam faixas de correntes elétricas alimentando o centro da sua galáxia espiralada, a Via Láctea. Nenhuma teoria gravitacional de Newton, nem seu modelo de mecânica orbital levam em consideração estruturas ou circuitos dessa espécie. Em termos elétricos, os filamentos são as linhas de transmissão do poder cósmico que alimentam o plasmóide no centro da galáxia. Mas eles são muito mais do que isso.

Sua Galáxia espiralada contém uma esfera maior, de cargas positivas, superposta a uma esfera interna menor que contém cargas negativas.

Do Centro Galáctico até o seu Sol e Planetas tudo é carregado eletricamente, e o próprio Grande Sol Central é o foco de uma grande descarga Elétrico-Cristalina Cósmica, e é a fonte de toda energia radiante. Todos os corpos astronômicos são objetos inerentemente carregados, imersos num universo que é uma trama eletromagnética-cristalina. Estas cargas dinâmicas aparecem em áreas de todos os corpos galácticos, surgindo da separação plasmática entre íons positivos e negativos, numa escala galáctica. Na realidade, essas forças eletromagnéticas desempenharam um papel crucial, esculpindo as superfícies e dando forma às órbitas dos corpos do seu sistema solar. As descargas elétrico-cristalinas criaram a forma e constituem a causa secundária da sua evolução Universal. Não foi o Big Bang, como vocês o percebem.

Acrescentamos que existem alguns Arcturianos notáveis encarnados no seu planeta agora. Estes homens brilhantes foram sacerdotes-cientistas do Atla-Ra de Atlântida, no tempo de Tyberonn, o Pleiadiano. Eles estão prestes a fazer estas descobertas, pois tudo isso era bem conhecido na época atlante.



A PULSAÇÃO CÓSMICA


Então vamos falar da Pulsação Cósmica. Ela é uma fonte onipresente de energia que é intradimensional e imensurável pela sua tecnologia atual. A energia da Pulsação Cósmica ocorre em dois formatos, um como um duto de corrente, e outro como uma treliça, uma grade viva e senciente.

O Cosmo contém aquilo que pode ser chamado de circuito Elétrico-Cristalino no interior do plasma ativo das galáxias e intraespaço. Este circuito alimenta o centro da sua galáxia. Esse plasma “ativo” existe em muitas formas, tanto quente quanto frio, e é coerente e consciente. Esse plasma não está fixado em uma dimensão ou em um único Universo. Vejam, este plasma funciona num espectro, não diferente da luz. Ele oscila e gradualmente se intensifica e esmaece nas realidades dimensionais e em outros Universos. Na verdade, ele é a cola que os mantém unidos.



IMPULSO CÓSMICO FASE II


Este plasma intradimensional produz uma corrente trançada helicoidalmente, que é cristalina. Mas como uma substância cristalina pode ter aspectos de polaridade, cargas iônicas? Porque é produzida pela estrutura Cristalina da Rede Cósmica geométrica, a Grade Galáctica. Ela se torna coerente através do “aperto” da sua atração e compressão. Da mesma forma que certos cristais piezelétricos do seu planeta liberam carga elétrica quando lhes é aplicada pressão mecânica, este plasma é liberado através de algo semelhante àquilo que é chamado de efeito “z-pinch”(2) de compressão na matriz piezo cristalina da Grade Cósmica.

À medida que vocês se aproximam da Ascensão, esta corrente elétrico-cristalina se apronta para desempenhar um papel muito importante na Elevação da Frequência Cristalina da sua Terra, e também da humanidade. Ela faz parte da porção cristalina do Impulso Cósmico. Estamos lhes dizendo que essa corrente está sendo codificada com uma espiral invertida, que é indispensável, não só para o planeta, como também para a elevação quintessencial em direção à MerKiVah. É imperativo para as Chaves Metratônicas.

GALÁXIAS ESPIRALADAS E A PULSAÇÃO CÓSMICA


Queridos, do mesmo modo que a sua Terra é um ser senciente, assim também cada uma das suas Galáxias dentro do Multiverso possui uma sensibilidade consciente. Mas é uma sensibilidade muito mais avançada, uma sensibilidade refinada exponencialmente mais elevada.

Sua Galáxia, a Via Láctea, é uma Galáxia Espiralada giratória. Este é um formato Metatrônico proposital. É por isto que a sua Terra, assim como Arcturius e a nebulosa Órion, estão dentro de uma matriz galaxial geométrica. A Pulsação Cósmica, dentro das Galáxias Espiraladas, forma o padrão da criação que vocês chamam de espiral dourada(3). Esta forma única de espiral é mais propícia, tanto para a forma física quanto para o componente de dualidade da sua Terra.

A PULSAÇÃO CÓSMICA PROVEM DA GRADE CÓSMICA GALÁCTICA


A Grade Galáctica da sua Via Láctea espiralada é o “servidor da criação formatado” que permite que tudo o que está dentro da sua esfera de influência se expanda dinâmica e criativamente, exatamente como fazem as grades planetárias em desenvolvimento no seu planeta Terra.

A sua Grade Cristalina 144 é energizada através da Pulsação Cósmica espiralada da sua Grade Galáctica. E no Equinócio de Março de 2010, a Grade 144 será formatada de modo a permitir uma porção maior da Pulsação Cósmica na Terra, através de uma expansão focalizada no seu formato geométrico. Esta será a fase II do Impulso Cósmico. A eletricidade cristalina, que terá permissão para fluir, será recebida no centro do planeta, e uma espiral invertida será emanada para fora, possibilitando a expansão MerKíVica da forma da aura humana.

Os Seres Humanos possuem uma energia áurica – como vocês a denominam – que é bioeletromagnética. Este campo recebe padrões de energia e códigos constantemente através de indução. A geometria superior deste campo é a MerKaBah, mas o sistema anterior da MerKaBah precisa ser elevado ao cristalino. Ele fará isto desenvolvendo-se para um formato magnífico chamado MerKiVah. A MerKiVah é Metatrônica e possibilitará atributos infinitamente maiores para o buscador focalizado. Ela permitirá que o Humano Divino suporte as frequências superiores que chegam ao seu planeta por intermédio da Grade Cristalina 144 através da Pulsação Cósmica.

Neste processo, ele elevará o seu DNA a uma forma cristalina mais complexa. Vejam, o DNA agora está mudando de magnético para cristalino.

ALTON KAMADON – CRISTALIZAÇÃO DAS GLÂNDULAS DE DIVINDADE


Então trazemos a energia de Alton Kamadon, que agora é como a energia Enoquiana do campo Metratônico.


“Queridos Amigos, primeiro nós trouxemos a visualização cristalina das glândulas pineal, pituitária e timo, muitos anos antes da minha transição, em níveis avançados do ‘Método Melchizedek’.

Isto foi uma preparação para o que está começando a acontecer agora na Idade Cristalina. Estamos trabalhando com o canal no ensinamento deste processo, e ele estará disponível para todos vocês como Chaves Metatrônicas. Existe uma nova estrutura e código cristalino para ativar a transformação dessas três glândulas da divindade, necessários para se mover para a MerKiVah geométrica mais elevada. Esta ação desempenhará um papel na facilitação da transformação do DNA em energia cristal. Nós fornecemos esta informação e ela será liberada para vocês na nossa próxima canalização. Entre os atributos “quânticos” estarão uma imunidade muito maior para o corpo físico e uma consciência expandida da sua multidimensionalidade. Deixo-os, por hora, mas saibam que tudo está bem, e eu estou sempre com vocês.”


O NOVO FIRMAMENTO


Em termos planetários, as mudanças que estão ocorrendo ativam as emissões cristalinas que formarão o aspecto cristalino do Firmamento elíptico planetário em desenvolvimento. Isto será compartilhado com vocês, em maiores detalhes, numa próxima comunicação.



MECÂNICA DA PULSAÇÃO CÓSMICA


A elevação da Terra implica, como já dissemos, numa concessão maior para a entrada da corrente elétrica cristalina no seu planeta através das lentes da sua Grade Cristalina 144. Mas a pulsação cósmica que ocorre no seu universo físico não é nova. Como mencionamos, ela era bem conhecida pelos atlantes. Na verdade, era utilizada por eles. Os filamentos da corrente Cósmica Eletrodinâmica integram toda matéria. Assim, de uma certa forma, os sóis, as estrelas e os planetas são todos dirigidos e providos de energia por esta corrente. Consequentemente cada corpo estelar e planetário do espaço carrega uma carga ressonante elétrica, incluindo a sua Terra. Essa energia é recebida pela magnetosfera da sua Terra e levada para o centro cristalino da Terra. Ela emite uma radiação de onda azul que fornece luz de espectro superior para as civilizações intraterrenas.



 

 

SISTEMA LEY GALÁCTICO


Os condutores desta carga são redes que atravessam toda a Galáxia, e que podem ser comparadas com o sistema de linhas ley da Terra e com o sistema nervoso do corpo humano. Eletricidade, magnetismo, gravidade, cristalização e luz são fatores equivalentes na Grade Cósmica (e também na sua grade planetária em desenvolvimento). Eles são as ferramentas primárias da sua Ascensão frequencial planetária. Eles ainda são enigmas para vocês; ainda não são compreendidos. As combinações entre eles são os motores do Universo, e suas relações são a música das esferas.

Suas grades planetárias e magnetosfera agem como protetores de dupla camada contra surtos, mas às vezes há uma sobrecarga. Existe evidência disto – ainda não reconhecida – no seu sistema solar, e também na Terra.

Cada planeta tem um parâmetro específico de carga elétrica que ele carrega. Quando esta carga é ultrapassada num surto, uma forma de eletricidade interna irrompe em potentes arcos que criam efeitos de implosão tanto no planeta físico quanto no seu aspecto intradimensional. Isto aconteceu na sua Terra depois da dissolução do Firmamento inicial. De fato foi isto que formou o Grand Canyon!

Na verdade, a implosão de arco luminoso devido à sobrecarga não só formou o Grand Canyon, mas também a Cratera Meteoro no Arizona, e a Cratera Tungstoy na Sibéria. Nenhuma das duas últimas revelou fragmentos de ferro-níquel de meteorito em suas crateras. Evidência disto existe também na lua e em todos os seus planetas. A Quarta Lua de Júpiter e o Valle Marinera Canyon em Marte são dois outros exemplos enigmáticos de Implosões de Arco. Na verdade, estes são compreendidos e reconhecidos por alguns dos seus cientistas dissidentes.


A ROTAÇÃO INVERSA DE CAMPOS DE IMPLOSÃO


Para relacionar isto com a sua Terra, lhes diremos que o arco luminoso emitido de dentro da Terra, que criou as cicatrizes de implosão do Grand Canyon, da Cratera Meteoro e de Tungstoy, criou um campo de energia único.

Toda rotação inversa da luz intradimensional acontece aí, e assim, ocorre um equilíbrio/contra-equilíbrio único que faz a luz girar em rotações helicoidais e anti-helicoidais. Como resultado disso, as pedras preciosas e minerais encontrados nessas áreas têm propriedades exclusivas, que podem ser muito equilibradoras e benéficas para a expansão áurica. Um dos efeitos interessantes nessas áreas é a presença de uma energia muito benéfica que resulta de um campo antigravitacional único que resultou da implosão do Arco Elétrico.

Este campo tem períodos de aberturas intradimensionais que possibilitam anomalias na programação do tempo em fases de gravidade astronômica específicas. Esta energia generosa é muito única no seu planeta, e possibilita percepção multidimensional e experiências de bi-locação com mais facilidade em certos vetores dentro dela. Componentes do seu Governo estão conscientes de algumas dessas anomalias dentro do Grand Canyon.


Existem outras áreas de menor impacto onde isto tem acontecido no planeta, e uma delas é Andara, na região da Califórnia, assim como a área de Grimes Point em Nevada e o meio da região centro-sul dos Montes Urais.



 

 

ENCERRANDO


Queridos, para encerrar lhes dizemos que os processos científicos da sua Cosmologia Universal na Causa Secundária constituem o componente-chave para a integração entre o científico e o sagrado. Eles abrirão portas que lhes permitirão não apenas entender as complexidades profundas das suas realidades, mas também migrar para as novas energias da Era Cristalina na Ascensão.


Vocês vivem numa Galáxia Espiralada muito especial, num Sistema Solar muito especial. Eles são Elétrico-Cristalinos. Em breve a Terra e a humanidade vivenciarão esta bela transformação.


Todos vocês planejaram experienciar especificamente esta graduação incrível. Agora a Metafísica está começando a atrair para o seu meio uma classe de almas extremamente avançadas. Esta é uma nova geração de acadêmicos e cientistas, que foram sacerdotes-cientistas.

Eles se tornarão conhecidos na próxima década. Realmente está na hora de abraçar o círculo completo do “sagrado e científico”. Tempos maravilhosos esperam por vocês!


Aproveitem-nos, Queridos, escolham viver livres, escolham liberar a preocupação e o medo, e criem seu próprio bem-estar. Respeitem e Acolham uns aos outros, e abracem o AMOR. Ele é a ciência e a frequência de Deus.


Eu sou Metraton e compartilho estas VERDADES com vocês.


E assim é.


(1) NT:- Um Multiverso é um conjunto de muitos universos. Em Astronomia, Multiverso refere-se a uma possibilidade teórica de o nosso universo ser apenas um entre um número enorme de universos separados e distintos (também conhecidos como universos alternados) – (Wikipédia, a enciclopédia livre –http://pt.wikipedia.org/wiki/Multiverso)

(2) NT:- Z-Pinch ou Zeta Pinch é um tipo de sistema de confinamento de plasma que usa uma corrente elétrica para gerar campos magnéticos que comprimem o próprio plasma. (Wikipédia, a enciclopédia livre –http://pt.wikipedia.org/wiki/Z-pinch)


(3) NT:- Em geometria, espiral dourada é uma espiral logarítmica que se desenvolve segundo um fator relacionado a φ (phi), o segmento áureo.(Wikipedia, the free encyclopedia –http://en.wikipedia.org/wiki/Golden_spiral)



Anúncios
 

Uma resposta para “A COSMOLOGIA DO MULTIVERSO

  1. Jailda

    11/10/2011 at 01:40

    “O Espírito fala de AMOR. O Espírito não ataca”. Nem o mestre Jesus condenou.
    Todo fanatismo é prejudicial está a um fio do desequilíbrio e da loucura.
    Vou continuar lendo. Gostei muito, muito mesmo.
    Escrevi dois poemas publiados no meu blog intitulado MULTIVERSO 1 e MULTIVERSO 2.
    Parabéns.
    Jailda Galvão Aires

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: