RSS

As Chaves de Enoque e Melquisedeque

28 out
 O SACERDÓCIO SECRETO DE MELQUISEDEQUE
Há muitos séculos existe na Índia, no Nepal, na China e no Tibet, assim como no ocidente em que vivemos, seres de mentes altamente iluminadas, de nobre e elevada estirpe espiritual; que dirigem os destinos do nosso amado planeta, supervisionando os caminhos da humanidade; como membros de uma Sagrada Hierarquia Divina, o Supremo Conselho Invisível, da SAGRADA ORDEM DE MELQUISEDEQUE; o Governo Oculto do Mundo, cujo reino é AGHARTA, a SHAMBALLAH terrestre, reflexo da SHAMBALLAH celestial, inacessível aos homens comuns e aos curiosos em geral.
Esses Seres incomuns, de alta espiritualidade, dotados de insólitos poderes e infinita sabedoria, são conhecidos por vários nomes: Mestres, Sábios, Mahatmas, Imortais e várias outras denominações e são liderados por Sua Majestade MELQUISEDEQUE, um Rei-Sacerdote da Tradição Judaico/Cristã, personagem misterioso e sagrado a quem a Bíblia dos cristãos se refere muito discretamente. Esse Alto Conselho é Eterno e Universal, composto por membros Mortais e Imortais, tendo uma MISSÃO sempre bem definida, não devendo ser confundida com as de outros seres igualmente sublimes, a qual é, em PRIMEIRO LUGAR, velar pela “DOUTRINA DO CORAÇÃO”, uma Filosofia Espiritual Cósmica, que se expressa no mundo, aos seres humanos, de várias formas diferentes, segundo a época, a região e a cultura local.
Em “SEGUNDO LUGAR”, trabalhar para que à Luz dessa Doutrina Sublime e Universal, a humanidade possa evoluir segundo os CICLOS UNIVERSAIS. MELQUISEDEQUE !!! (Rei de Salém, Rei de Paz, Rei de Justiça/Misericórdia). Misterioso, fabuloso, enigmático e carismático personagem bíblico, que sempre esteve, está e estará conosco, sempre presente entre os que o buscam com sinceridade de propósitos em seu coração, exercendo entre os mesmos o Seu Poder e o Seu Amor.
Sua Santidade MELQUISEDEQUE, é o Mestre maior de Shamballah, a Cidade dos Imortais, o Senhor e Rei dos Mundos Celestiais ou Divinos, o Comandante-em-Chefe do Governo Oculto do Mundo. O Fabuloso Sacerdote e Rei MELQUISEDEQUE é também conhecido entre os Iniciados, como: Sacerdote do Altíssimo Deus El-Elion, (o EU SOU o EU SOU), Rei de Salém (Rei de Paz), Rei de Justiça (Rei do Carma), Mestre dos Mestres da Justiça, Imperador dos Sábios, Legislador Primordial, Encarregado da Reforma do Mundo, Figura Profética de Cristo, Messias Imortal e tantos outros títulos. Tudo isso é o Misterioso Sacerdote e Rei MELQUISEDEQUE. A humanidade terrestre quase nada sabe sobre Ele, uma vez que muito pouco era permitido escrever a seu respeito.
Aos seus seguidores sempre foi recomendado não falar em detalhes sobre sua Missão: Planetária, Cósmica e Universal. Há quem afirme não existirem Sacerdotes da Ordem de MELQUISEDEQUE no plano físico. Cada ser humano tem o direito de afirmar o que quiser e acreditar no que bem entender, conforme o seu grau evolutivo na Escala Iniciática.  Não cabe a nós do Sacerdócio de MELQUISEDEQUE contestar as afirmações de quem precisa conhecer um pouco mais a realidade espiritual desse Sacerdócio Divino.  Respeitamos o ponto de vista de todos os buscadores da verdade. Não participamos de discussões, apenas aconselhamos com amor, que estudem mais, pesquisem bastante, não se conformem apenas com o conhecimento humano, mas busquem a Sabedoria Divina. O conhecimento humano está em tudo que falamos e escrevemos. A Sabedoria Divina, no entanto, é o nosso Íntimo. o Cristo Interno, nosso Deus Interior.
MUITOS PROCURAM, POUCOS ENCONTRAM.
Muitos são os que procuram mas bem poucos são os que encontram o Sacerdócio Secreto de MELQUISEDEQUE, porque precisam encontrá-lo no mais íntimo do seu Ser, na Chama Trina em seus corações. Esse Sacerdócio Sagrado pertence a todos, nele não existem Gurus, Mestres ou Superiores, todos são iguais, pois atingiram a UNICIDADE.  O Verdadeiro Sacerdote de MELQUISEDEQUE, já nasce consagrado, não necessitando portanto de Iniciações e/ou Consagrações no plano físico, a não ser que ele o faça por livre e espontânea vontade, como aconteceu comigo, que fui iniciado pelo Mestre Zanon Melo, do Portal Cósmico-RJ e o fiz conscientemente, porque reconheço e respeito o seu trabalho na difusão dos ensinamentos sagrados, todavia eu já era Sacerdote de MELQUISEDEQUE consagrado no Plano Espiritual
 O ENSINO DOS VERDADEIROS SACERDOTES
O verdadeiro Sacerdote de MELQUISEDEQUE não busca discípulos porque eles surgem naturalmente (lei da atração); não discute a sua FÉ com ninguém, porque é consciente da sua MISSÃO; não critica os demais a sua volta, porque respeita a cada ser humano em seu nível evolutivo; não explora financeiramente os seus seguidores, porque a sua riqueza é fazer a vontade do Pai Celestial; não cobra dízimo dos seus discípulos, porque essa Dispensação (Plano Divino) já passou; não demonstra seus poderes internos, porque deve ser acreditado pela VERDADE DIVINA que ensina a todos os seres humanos, sem distinção de classe social, posição financeira, raça, credo político ou religioso, pois o Sacerdócio de MELQUISEDEQUE é a origem de tudo que se relaciona com a evolução espiritual e a salvação do gênero humano de forma holística (global). Fora do que acabamos de expor é pura especulação e extorsão financeira. Não estamos nos colocando contra valores cobrados por iniciadores, pois, também, cobro uma taxa de Iniciação, mas sim, contrário a exploração financeira de alguns supostos “Sacerdotes de MELQUISEDEQUE”.
 A SENDA INICIÁTICA NA ORDEM DE MELQUISEDEQUE
Na epístola aos Hebreus, capítulo 5, versículos 10 a 14, da Bíblia Sagrada, o autor referindo-se a JESUS, o Cristo, diz: “CHAMADO POR DEUS SUMO-SACERDOTE, SEGUNDO A ORDEM DE MELQUISEDEQUE. DO QUAL MUITO TEMOS QUE DIZER (revelar), DE DIFÍCIL INTERPRETAÇÃO (para seres comuns); PORQUANTO VOS FIZESTES NEGLIGENTES PARA OUVIR. PORQUE, DEVENDO JÁ SER MESTRES PELO TEMPO, AINDA NECESSITAIS DE QUE VOS TORNE A ENSINAR QUAIS SEJAM OS PRIMEIROS RUDIMENTOS DA PALAVRA DE DEUS; E VOS HAVEIS FEITO TAIS QUE NECESSITAIS DE LEITE (Os conhecimentos humanos); E NÃO SÓLIDO MANTIMENTO (A Sabedoria Divina), PORQUE QUE AINDA SE ALIMENTA DE LEITE (Inconscientes, adormecidos) NÃO ESTÁ EXPERIMENTADO NA PALAVRA DA JUSTIÇA (A vontade de Deus Pai Todo Poderoso), PORQUE É MENINO (neófito, iniciante, inexperiente). MAS O MANTIMENTO SÓLIDO É PARA OS PERFEITOS (Iniciados, Consagrados, Sacerdotes), OS QUAIS, EM RAZÃO DO COSTUME (práticas especiais), TÊM OS SENTIDOS EXERCITADOS (Despertos, conscientes de sua missão), PARA DISCERNIR TANTO O BEM COMO O MAL (Os sábios e iluminados com a Luz Divina)”
 Verificamos nesta sábia mensagem bíblica, a dificuldade que tinha o autor da Epístola em tornar público aos hebreus, algo que ainda era preciso ser velado (O Sacerdócio Secreto de MELQUISEDEQUE).  Ainda hoje, poucos são os que estão preparados para ouvir estas Verdades Eternas e muito menos são os que podem praticar estes Ensinamentos Divinos. A grande maioria ainda são “MENINOS’, não sabendo discernir o BEM e o MAL. Como a humanidade vive agora, um MOMENTO CÓSMICO especial, nesta NOVA ERA de Luz (Era de Aquário), falaremos o que nos é permitido, sobre MELQUISEDEQUE, sua Fraternidade Divina e, Seu Sacerdócio Espiritual, Eterno e Universal
 MELKI-TSEDEK Á LUZ DA TRADIÇÃO JUDAICO/CRISTÃ
O nome MELKI-TSEDEK aparece pela primeira vez, na Bíblia, no Livro de Gênesis, capítulo 14, versículos 18 a 20, no encontro com ABRAÃO, que na época habitava na CANAÃ dos hebreus, ao regressar de uma batalha onde libertara o seu sobrinho LÓ, o qual ficara em SODOMA, tornando-se assim CANANEU. LÓ estava cativo dos BABILÔNIOS. ABRAÃO e seus aliados, acossaram o inimigo até perto de DAMASCO, retomando os cativos e seus despojos. Na sua volta o conquistador é saudado por MELQUISEDEQUE: “E MELQUISEDEQUE, REI DE SALÉM, TROUXE PÃO E VINHO; E ERA SACERDOTE DO DEUS ALTÍSSIMO, (As religiões atuais não reconhecem esse Santo Sacerdócio)  ABENÇOOU-O, E DISSE: BENDITO SEJA ABRAÃO DO DEUS ALTÍSSIMO (O Eu Sou O Eu Sou) O POSSUIDOR DOS CÉUS E DA TERRA; BENDITO SEJA O DEUS ALTÍSSIMO, QUE ENTREGOU OS TEUS INIMIGOS NAS TUAS MÃOS! E DEU-LHE O DÍZIMO DE TUDO (Prática da época, não mais necessária nos dias atuais).
MELQUISEDEQUE é lembrado no Salmo Profético do Rei DAVI, capítulo 110, versículo 4, intitulado:  “O Reino, o Sacerdócio e a Conquista do Messias”: “JUROU O SENHOR, E NÃO SE ARREPENDERÁ, TU ÉS UM SACERDOTE ETERNO (Sempre existiu, existe e existirá por toda eternidade) SEGUNDO A ORDEM DE MELQUISEDEQUE”.  Na Epístola anônima aos hebreus, atribuída a S. Paulo, capítulo 7, versículos 1 a 7, ele é uma misteriosa figura de Rei e Sacerdote, que adora o Deus Altíssimo (o EU SOU o EU SOU).
O autor aborda o tema da Superioridade do Sacerdócio de Cristo, perfeito e eterno como é o de MELQUISEDEQUE, como tal, exaltado acima do Sacerdócio Levítico (Estabelecido pelo Patriarca Moisés). Nele, JESUS é chamado de SUMO-SACERDOTE, segundo a ORDEM DE MELQUISEDEQUE”: “PORQUE ESTE MELQUISEDEQUE, QUE ERA REI DE SALÉM, SACERDOTE DO DEUS ALTÍSSIMO, E QUE SAIU AO ENCONTRO DE ABRAÃO, QUANDO ELE REGRESSAVA DA MATANÇA DOS REIS, E O ABENÇOOU; A QUEM TAMBÉM ABRAÃO DEU O DÍZIMO DE TUDO, E PRIMEIRAMENTE É, POR INTERPRETAÇÃO, REI DE JUSTIÇA, E DEPOIS TAMBÉM REI DE SALÉM, QUE É REI DE PAZ; SEM PAI, SEM MÃE, SEM GENEALOGIA NÃO TENDO PRINCÍPIO DE DIAS NEM FIM DE VIDA, MAS SENDO FEITO SEMELHANTE AO FILHO DE DEUS, PERMANECE SACERDOTE PARA SEMPRE.
(MELQUISEDEQUE, é o nome de um ser divino e eterno e o título que é acrescido ao nome de todos os sacerdotes que o seguem pela eternidade). Considerai pois, quão grande era este, a quem até o patriarca ABRAÃO (o pai da nação israelita) deu os dízimos dos despojos. E os que dentre os filhos de LEVI (Sacerdócio Levítico – israelita) recebem o sacerdócio tem ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de ABRAÃO. Mas aquele cuja genealogia não é contada entre eles tomou dízimos de ABRAÃO (patriarca dos israelitas), e abençoou o que tinha as promessas.  ora, sem contradição alguma, o menor é abençoado pelo maior (menor – ABRAÃO/maior – MELQUISEDEQUE)”. A personalidade de MELQUISEDEQUE no capítulo 6, versículo 20, da mesma epístola, lemos: “onde JESUS, nosso precursor, entrou por nós, (nos antecedeu no sacerdócio de MELQUISEDEQUE) feito eternamente Sumo-Sacerdote. (O sacerdócio , portanto, é eterno) segundo a Ordem de MELQUISEDEQUE”.
Alguns religiosos confundem a personalidade de MELQUISEDEQUE com a do Mestre Ascensionado JESUS CRISTO. Todavia isto é completamente errado, pois, como já vimos nas leituras dos trechos bíblicos anteriores, MELQUISEDEQUE é Sacerdote do Deus Altíssimo, encontra-se com o Patriarca ABRAÃO, celebra a Comunhão Eucarística com o PÃO e o VINHO e recebe os dízimos (Prática da Época).  A MISSA, portanto, é anterior a vinda de JESUS CRISTO. Nesse período distante da vinda de Jesus Cristo, a DISPENSAÇÃO (Forma de salvação para a humanidade) era completamente diferente da DISPENSAÇÃO atual, mas lá se encontrava MELQUISEDEQUE, antes da Dispensação MOSAICA de DEUS-PAI (Moisés, o Libertador), durante a  Dispensação CRÍSTICA de DEUS-FILHO (Jesus. O Salvador) como ainda se encontra atualmente na Dispensação da MÃE-DIVINA de DEUS-ESPÍRITO SANTO (Salvação pessoal íntima), através do  crescimento espiritual interno (Iniciação, Iluminação e Ascensão ainda no corpo físico).
No livro dos Salmos, DAVI, que era Rei e Profeta, anuncia o MESSIAS (Salvador), JESUS CRISTO, portanto, como SACERDOTE ETERNO, segundo a ORDEM DE MELQUISEDEQUE. MELQUISEDEQUE é algo real, eterno e universal, mas a BÍBLIA SAGRADA o mantém VELADO. Na época de JESUS DE NAZARÉ, o Cristo, pouco ou quase nada Ele falava de MELQUISEDEQUE, uma vez que os seus seguidores ainda não podiam receber tais ensinamentos (O Manjar sólido), mas, apenas rudimentos da palavra de Deus (Leite), já que eram considerados “meninos”, ou seja, não tinham o discernimento do BEM e do MAL. Porém, agora, alguns já se tornaram “adultos” e poderão ouvir e interpretar com Sabedoria as revelações espirituais necessárias ao nosso tempo. MELQUISEDEQUE é a denominação bíblica, mas nomes não lhe faltam… É chamado de SANAT KUMARA pelos tibetanos, SRI BAGHAVAN NARAYANA pelos Hindus, FO-HI pelos povos chineses, JEOVÁH pelos hebreus (israelitas/judeus), PRESBÍTERO JOÃO e REI DO GRAAL, pelos aventureiros, etc., mas foi sempre o mesmo MELQUISEDEQUE, desde ABRAÃO até os dias de hoje, como veremos adiante. Então, por que este Divino Rei-Sacerdote não aparece com maior destaque na Religião Cristã? Por recomendação do próprio MELQUISEDEQUE, que prefere o “Manto da Obscuridade”, o que é seguido, também, pelos seus discípulos.. Por outro lado, os Ministros Cristãos não podem explicar esta ENCARNAÇÃO do Logos na Terra, porque arruinaria a sua TEOLOGIA. Eles não se estendem demais a respeito de MELQUISEDEQUE, tornando-o, assim, um personagem lendário. E o fazem propositadamente. Os religiosos em geral convencem pelo medo, pelo terrorismo espiritual, (O contrário do Sacerdócio de MELQUISEDEQUE) apresentando um Deus opressor, vingativo, carrasco, que castiga e destrói os que não o obedecem, o que é uma grandiosa mentira (Interpretação fanática), pois Deus é puro AMOR INCONDICIONAL
O SACERDÓCIO DE MELQUISEDEQUE
O Sacerdócio Real, Eterno e Universal de MELQUISEDEQUE, promete e concede aos seres humanos as Verdades e Universais e a Sabedoria Divina, que liberta e salva a todos que o seguem, conscientizando-os através do Amor e da Misericórdia de Deus, que jamais castigou ou castigará nenhum dos Seus Filhos. Ao contrário, Ele sempre oferece oportunidades (Dispensações), para que todos possam voltar ao seu Verdadeiro Lar, o Céu além dos Céus, a Grande Fonte Cósmica, o Trono do Pai Celestial, o EU SOU o EU SOU. O Sacerdócio de MELQUISEDEQUE é o Sacerdócio de EL-ELION (Altíssimo Deus);  e o Sacerdócio CRISTÃO é o Sacerdócio de EMANUEL (Deus conosco), portanto, EL-ELION é EMANUEL.
Sendo assim, os dois Sacerdócios são UM SÓ.  O Sacerdócio Cristão que pratica essencialmente a Oferenda Eucarística do PÃO e do VINHO está “CONFORME A ORDEM DE MELQUISEDEQUE”. O Santo Sacerdócio de MELQUISEDEQUE é a Sabedoria do Cristo Cósmico, o Mistério do Fogo Sagrado,  o Esoterismo Crístico Autêntico, o Sacerdócio Eterno do Cristo, a Religião Cósmica Universal Infinita.
QUEM ERA, QUEM É MELQUISEDEQUE. Afinal, quem era e quem é MELQUISEDEQUE? Como entender a Missão desse SER DIVINO, Rei e Sacerdote do Altíssimo Deus? Como compreender a narrativa no Livro do Gênesis, onde um Sacerdote do Altíssimo Deus, um MENSAGEIRO do Senhor Deus do Universo, que em carne e osso fala com ABRAÃO? MELQUISEDEQUE é um Ser da LUZ DIVINA que atinge um estágio crístico de evolução, unificando-se com Deus, como Essência Divina, para exercer uma determinada Missão Espiritual. Quando isso ocorre, ele torna-se: Deus para um planeta, Deus para uma galáxia, Deus para um quadrante universal,  sempre unificado ao Deus Todo-Poderoso EU SOU Universal. MELQUISEDEQUE é o Senhor Soberano e Eterno da Luz Divina, responsável pela organização dos Mundos Celestiais, assim como da criação e direção de novos mundos materiais ou físicos, reeducando e resgatando os seus habitantes, através da: purificação, iniciação, iluminação e ascensão à Luz Vivente da Grande Fonte Cósmica ou o Trono de Deus, o Todo-Poderoso EU SOU Universal. Ele é o Chefe Supremo da ORDEM DE MELQUISEDEQUE e do Sacerdócio Espiritual e Eterno Dessa Ordem Divina. É importante compreender que existe um SER com o nome de MELQUISEDEQUE e uma ORDEM SACERDOTAL com o seu nome.
Quando uma pessoa alcança a Iluminação nessa Ordem Divina e Eterna, ela é então chamada de MELQUISEDEQUE. Edgar Cayce diz que JESUS CRISTO em uma de suas encarnações na Terra, foi um homem chamado MELQUISEDEQUE. O Livro AS CHAVES DE ENOCH, de J. J. Hurtak, descreve o Sacerdote e Rei MELQUISEDEQUE como um Ser dos Mundos Espirituais que dirige a ORDEM DE MELQUISEDEQUE, como o Eterno Senhor da Luz, o Soberano da Luz, sendo responsável pela organização dos níveis dos Mundos Celestiais do Deus EU SOU, para a passagem a uma nova criação, na formação e reeducação dos mundos que passam pelo processo de purificação da Luz Viva. A história de MELQUISEDEQUE é toda envolta em mistério. Muito pouco, ou seja, só o necessário se  fala sobre o Rei do Mundo.
Fala-se apenas o que é permitido e em doses, a entendidos. Se MOISÉS, autor do Gênesis, quisesse explicar quem ele era, teria dito de quem era filho (Como era o costume da época) e em que lugar ficava SALÉM. Porém, não o diz, propositadamente. Para um melhor entendimento do misterioso MELQUISEDEQUE, vamos mencionar diferentes estágios do mesmo, relacionando-se com os seres humanos. No livro do ÊXODO, encontramos MOISÉS tratando abertamente com a Sarça Ardente, com nuvens de fumo e tochas de fogo, onde se manifesta a ele o Deus EU SOU Em todo o Velho Testamento bíblico, encontramos os Profetas a serviço de JEOVAH (O que denominamos MELQUISEDEQUE Cósmico), o Governador dos mundos visíveis e invisíveis.
Na misteriosa ÍNDIA dos Sábios Vedas, encontramos SRI BAGHAVAN NARAYANA (Sanat Kumara), o Senhor e Rei do Mundo, (Reconhecido como MELQUISEDEQUE Planetário), dirigindo os três reinos em Evolução na Terra. Atualmente, JESUS DE NAZARÉ, o Cristo (Ocupa o cargo de MELQUISEDEQUE Cósmico),  Senhor e Rei do nosso Universo, Deus para o nosso planeta Terra e, SIDARTA GAUTAMA, o Buda, dirigente máximo da Grande Fraternidade Branca, (É o nosso MELQUISEDEQUE Planetário). Infelizmente, levará algum tempo para a humanidade entender e aceitar esta realidade cósmica. Como seres humanos encarnados neste Amado Planeta Terra, precisamos atingir o estágio crístico de MELQUISEDEQUE INDIVIDUAL. Para tanto, necessitamos atingir a Iluminação Divina.
 POR QUE O TERMO MELQUISEDEQUE?
Porque, no princípio da formação das Raças na Terra, esse era o termo usado para indicar o SER DIVINO que ocupava o ápice da evolução, como Senhor e Rei do Mundo. Agora, que se aproxima a IDADE DE OURO de MAITREYA, será usado novamente para designar o Supremo Avatar e Cristo-Rei, que governará os três planos evolutivos: o CÉU, a TERRA e o ABISMO. O MELQUISEDEQUE Bíblico, como Sacerdote e Rei, fez uso de sua Suprema Autoridade, surgindo inesperadamente após a vitória de ABRAÃO, para abençoá-lo em nome do possuidor dos Céus e da Terra e logo em seguida desaparece, após cumprir sua MISSÂO ESPIRITUAL da época. ABRAÃO estava designado por Deus para ser o PAI (Manu) de uma Grande Nação, a nação ISRAELITA, da qual nasceria JESUS DE NAZARÉ. MELQUISEDEQUE não era aliado nem inimigo de ABRAÂO, porém, o Rei do Reino de Salém. Afinal, que reino é este? É a JERUSALÉM CELESTIAL dos judeus, a SHAMBALLAH dos orientais, o NIRVANA dos Hindus, a AGARTHA dos ocidentais, o LITEN dos chineses ou, o CÉU dos cristãos.
 A INICIAÇÃO SUPREMA DE MELQUISEDEQUE
 MELQUISEDEQUE é tradicionalmente considerado e por nós aceito sem restrições, o Sacerdote da Suprema Iniciação. Não deixa de ser curioso o fato da ORDEM DE MELQUISEDEQUE ser discretamente citada por ocasião das cerimônias de Sagração dos Papas da Igreja Católica Apostólica Romana. Nunca devemos esquecer que o Sacerdócio de MELQUISEDEQUE é o Sacerdócio da Suprema Iniciação Espiritual. Que MELQUISEDEQUE é o Sacerdote da Revelação Suprema, da Absoluta e Eterna Sabedoria Divina e, portanto, SACERDOTE DO SANTO GRAAL.
O simbolismo do SANTO GRAAL nesse particular, repousa sobre as bases bastante explícitas: a independência entre o que está em cima e o que está embaixo, sugerindo um descenso consciencial e vibratório, um encadeamento perfeito da inteligência pura e absoluta de Deus, até a possibilidade de Ação Perfeita no Material ou Físico, através do ser humano.  MELQUISEDEQUE foi o primeiro REI-SACERDOTE manifesto na Terra.  Dele descendem todos os verdadeiros Sacerdotes de Deus e da Natureza e a Ele JESUS DE NAZARÉ, O Cristo, se uniu como Sacerdote, segundo a ORDEM DE MELQUISEDEQUE, conforme narrações bíblicas já lidas.
O VERDADEIRO SACERDOTE DE MELQUISEDEQUE
O verdadeiro Sacerdote de MELQUISEDEQUE é aquele que separa a natureza pura da impura, aquele que da matéria perecível que causa dor e infelicidade, abstrai a substância que tudo preserva. O Sacrifício, ou a separação, consiste em PÃO e VINHO. PÃO significa, literalmente, a SUBSTÂNCIA QUE TUDO PRESERVA e, VINHO, a SUBSTÂNCIA QUE TUDO ANIMA. Um Sacerdote, segundo a Ordem de MELQUISEDEQUE é, portanto, aquele que sabe separar a Substância Pura, que tudo preserva, e tudo anima, da substância impura, e usa isto como um verdadeiro meio de reconciliação e re-união para o homem caído, a fim de lhe conferir a verdadeira e régia dignidade ou o poder sobre a Natureza, a dignidade sacerdotal, ou o poder de união com a bem-aventurança dos Reinos Superiores.
O Sacerdote de MELQUISEDEQUE é aquele que sendo humano, ocupando um corpo material ou físico  corruptível, vivendo num mundo de total degradação dos valores humanos, convive com todos os tipos de crenças e costumes, sabendo distinguir o que lhe convém, separando o JOIO do TRIGO, sem ofensas ou agressões a seus semelhantes, sabendo viver entre o BEM e o MAL, em perfeito equilíbrio. O Sacerdócio de MELQUISEDEQUE prega, portanto, o AMOR, a PAZ, a HARMONIA e a COMPREENSÃO de todos os seres, sem discriminação ou preconceito, num autêntico ecumenismo cristão.
 COMO SURGIU O SACERDÓCIO DE MELQUISEDEQUE
 Surgiu, como o próprio MELQUISEDEQUE, segundo nos conta o autor da Epístola aos Hebreus:  “SEM PAI, SEM MÃE, SEM GENEALOGIA, NÃO TENDO PRINCÍPIO DE DIAS NEM FIM DE VIDA, MAS SENDO FEITO SEMELHANTE AO FILHO DE DEUS (Ou seja, semelhante a Deus) PERMANECE SACERDOTE PARA SEMPRE”  MELQUISDEQUE, uma das entidades mais elevadas na Hierarquia dos Planos Espirituais, foi auto-criado, ou  seja, nasceu de si mesmo, como uma das mais poderosas manifestações de Deus na Terra. Juntamente com outros Mestres Ascensionados, ele dirige a evolução no planeta Terra, e seus grandes movimentos POLITICOS, ARTISTICOS e RELIGIOSOS.
 O título de REI DO MUNDO, significa:
O LEGISLADOR PRIMORDIAL. É assim, portanto, que abrem-se os Santuários de MELQUISEDEQUE, é assim que surgem os seus Sacerdotes na Face da Terra, auto-gerados, nascendo de si mesmos, num trabalho espiritual interno e pessoal. Os autênticos Sacerdotes de MELQUISEDEQUE não dependem de autorizações de terceiros para exercerem suas Funções Sacerdotais na Terra, porque eles têm a Autoridade Divina dada pelo REI DO MUNDO, podendo assim, iniciar e consagrar novos Sacerdotes, abrir e dirigir novos Santuários e cada Sacerdote deve trabalhar-se para se tornar uma EMANAÇÃO DIVINA ou, um VEÍCULO ESPIRITUAL de MELQUISEDEQUE. MELQUISEDEQUE, o Senhor e Rei do Mundo, sempre contou no passado, conta no presente e contará no futuro com diversos seres especiais que lhe servem como VEÍCULO DE MANIFESTAÇÃO na Face da Terra, entre estes, vosso irmão (Lord Ben-Lux’El MELQUISEDEQUE).
 A MISSÃO DA ORDEM DE MELQUISEDEQUE
O Poderoso e Altíssimo Deus EU SOU o EU SOU, está preparando a Terra para a sua Libertação Final por intermédio de MELQUISEDEQUE e de sua ORDEM SAGRADA, através do Sacerdócio Espiritual, Eterno e Universal, do qual participam somente os verdadeiros FILHOS DA LUZ, que realmente, qual Filhos Pródigos, aspiram retornar à CASA DO PAI, o Verdadeiro Céu além dos Céus, nas Multidimensões Celestiais. Aproxima-se o Momento Cósmico em que o Sacerdócio de MELQUISEDEQUE da Terra unificar-se-á com o Sacerdócio Divino de MELQUISEDEQUE vindo dos Céus Superiores. Chegou o tempo da vinda de Grandes Dons Espirituais: Profecias, Novas Ciências, Dons de Criação, Grandes Descobertas, (Dispensação do Espírito Santo) e todas as CHAVES que revelarão os registros científicos, que contêm informações sobre como isto aconteceu em outros tempos e como existem ciclos de renovação eterna (Nada é novo na Face da Terra). Isso vai preparar a humanidade para a sobreposição do espaço-tempo (Vivendo o futuro da humanidade terrestre) para a vinda dos Serafins (que assistem diante do Trono de Deus) e das Irmandades de Luz, que ajudarão os justos a estabelecerem as NOVAS BASES da NOVA TERRA, juntamente com a ORDEM DE MELQUISEDEQUE.
 Os seres de Luz que servem ao EU SOU o EU SOU estão estabelecendo mais Comunidades de Luz como bases para Educação Espiritual em nome de MAITREYA, os quais exercitam o Sacerdócio Universal de MELQUISEDEQUE, como bases para a Unidade Galática e a Regência do Ofício de Cristo sobre a Terra, em nome de JESUS DE NAZARÉ, o Cristo, as quais estabelecerão a IDADE DE OURO em nosso Planeta.
NÓS SOMOS LUZ! Lord Ben-Lux’El Príncipe da Corte Real do Senhor e Rei do Mundo Sacerdote da Ordem de MELQUISEDEQUE
 FONTES DE PESQUISA:
BÍBLIA SAGRADA,
 Tradução do Pe. João Ferreira de Almeida, Impressa pela Imprensa Bíblica Brasileira – 1973.
2 – O REI DO MUNDO, de René Guénon, Edições 70.
3 – MELKI-TSEDEK E O HIEROFANTE, de Udo Oscar Luckner – Imery Publicações Ltda.
4 – AS CHAVES DE ENOCH, O Livro do Conhecimento, J. J. Hurtak – Academia para Ciência Futura.
5 – A SAGRADA ORDEM DE MELQUISEDEQUE, Samael Aun Weor – Editora Gnose.
6 – Revista ANO ZERO, Artigos Publicados – Editora ANO ZERO LTDA.
7 – TRANSCRIÇÕES E ADAPTAÇÕES.
Anúncios
 

3 Respostas para “As Chaves de Enoque e Melquisedeque

  1. lista de emails

    28/10/2012 at 17:15

    thanks for posting this post. i would like to get more information on this. lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails

     
  2. lista de emails

    16/11/2012 at 18:54

    i’m glad i could learn so much here in your blog. thanks a lot. lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails

     
  3. lista de emails

    18/11/2012 at 23:40

    writing is not a easy thing to do, it takes creativity and good sense, and you’ve got it! lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: