RSS

CIÊNCIA X ESPIRITUALIDADE

21 jul

 

OS 36 OCULTOS

BY  · 13 DE MAIO DE 2013

Os Cabalistas nos dizem que ao longo da história, em cada geração, sempre há 36 almas ocultas de Justos (Tsadik) que são o alicerce do mundo. Em razão de sua existência, estes grandes e ocultos 36 sábios Kabalistas sustentam o nosso mundo físico. E adivinhe? A física moderna nos diz que há 36 quarks ocultos que sustentam nosso mundo físico. Agora preste atenção neste próximo ponto: os físicos nunca viram um quark. Eles estão escondidos. Completamente. Como Timothy Paul Smith, um professor de física, explica em seu livro “Hidden Worlds”, “Ninguém jamais viu um quark.” No entanto, o quark é o alicerce da nossa realidade. De acordo com o físico e Prêmio Nobel Jerome I. Friedman, o quark é o elemento mais básico de construção da natureza.

Ciência e Cabalah descrevem exatamente a mesma coisa.

O físico Michio Kaku disse: “Por que temos 36 quarks? Esse é um dos grandes mistérios do modelo padrão da física de partículas.”

O fato é que esses 36 quarks ocultos que a ciência descobriu são simplesmente a essência espiritual e a consciência das 36 almas justas ocultas das quais a Kabbalah fala. Não há partículas subatômicas reais que existam em termos materiais. De acordo com a Kabbalah, há apenas forças ou partículas de consciência. A Ciência simplesmente encontrou as 36 almas justas ocultas. Exceto que a ciência usa uma linguagem diferente da Cabalah, e então os físicos escolheram chamá-los de quarks ao invés de Quabalistas ou Cabalistas.

A língua humana entrou em um estado de  confusão  após o incidente da torre de Babel e é por isso que falhamos em conseguir unificar ciência e espiritualidade. A isto também se deve o fato do Cristianismo aparentar ser diferente da Cabalah quando, de fato, eles são idênticos. Os cristãos referem-se as Dez Sefiroth como a cruz e Gólgota. Eles não fazem ideia de que Gólgota, a Santíssima Trindade e o Filho de Deus são apenas termos distintos para os vários aspectos das Dez Sefiroth .

Na verdade, a Cabalah, a Ciência e o Cristianismo estão todos descrevendo uma realidade singular e estruturada.

O problema é que os físicos estão aficionados à fisicalidade (também chamada de ‘A síndrome Bezerro de Ouro’) e, portanto, não têm nenhum indício de que a consciência é o material e a substância do mundo quântico microscópico.

Então, ao invés de chamarem a consciência da Luz de Desejo de Compartilhar, os físicos chamam-na de Próton.

Em vez de chamar a consciência do recipiente deDesejo de Receber, eles chamam-na de Elétron. Ao invés de chamarem as almas justas ocultas, que são o fundamento do nosso mundo, de os grandes sábios Kabalistas, eles chamam-nos de quarks.

Tanto a ciência quanto a Kabbalah estão descrevendo a mesma realidade, mas por usarem uma linguagem diferente, criam confusão, conflito e separação por toda a humanidade.

Os físicos têm a obrigação de, finalmente, renunciarem a sua visão limitada da realidade e perceberem que a consciência é a raiz de toda a realidade. Por que isso é tão importante? Porque a humanidade provavelmente nunca compreenderá a importância de transformar a nossa consciência de auto-interesse até obter o “selo de aprovação” da ciência.

A Ciência gosta de culpar a religião pela maioria das guerras e derramamento de sangue na história. E é verdade. Mais sangue foi derramado em nome da religião do que qualquer outra causa. Porém, foi a ciência desenvolveu todas as armas de destruição em massa que a religião tem usado para travar uma guerra contra as outras religiões e outras nações. Assim, a ciência também é a principal culpada por toda a destruição causada pela guerra. Se não houvesse armas inventadas pela ciência, nem bombas ou armas nucleares, a aniquilação total do nosso mundo não seria possível.

Não se engane, a ciência atrasa a redenção do mundo porque ela se recusa a se desapegar do ego (consciência negativa) e a enxergar que a própria consciência é a única realidade. É irônico que a sua própria consciência egocêntrica limitada impeça-os de perceber a verdade que a própria consciência está dando origem a toda a existência.

OK, há alguns físicos que só agora estão reconhecendo o papel supremo que a consciência desempenha em nossa realidade. Mas esses poucos físicos ainda não perceberam o cenário completo. Qual é o cenário completo? Há duas forças de consciência em nossa realidade. Há a consciência negativa e a consciência positiva.

Eles não sabem que o ego (consciência negativa) foi pré-programado para duvidar e desacreditar da própria verdade que a consciência e a mente são a essência de toda a matéria. O ego está programado para duvidar da existência do Criador.

O ego também corrompe a verdade sobre o Criador e fabrica superstições e falsidades para que as pessoas fiquem desorientadas quanto à verdadeira natureza da Luz do Criador. A razão para isto é explicada com riqueza de detalhes em outros artigos.

É por isso que precisamos da Cabalah. Apenas a Cabalah fornece a tecnologia que remove toda a dúvida que domina a nossa mente racional, para que assim um físico – e toda a humanidade – possam finalmente perceber a verdade, em vez de duvidá-la, ou não querer enxergá-la, ou de simplesmente corrompê-la.

Anúncios
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: